Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Hay Carmo: Moda e companhia

Comprar

  • 333

Há uma nova loja no Chiado, em Lisboa. Chama-se Hay Carmo, fica num pátio escondido e tem uma esplanada onde se ganha fôlego entre tantas peças de roupa e acessórios bonitos

Fernando Branquinho

A Hay Carmo abriu no início do mês de junho num pátio recatado no coração do Chiado. A localização não é secreta, mas diz muito sobre esta nova loja onde se conjugam estilos e identidades de 18 marcas de roupa, calçado e acessórios de autor, e ainda uma esplanada com serviço de bar e comida leve – bruschettas, duo de hummus, guacamole, tábuas de queijos e enchidos, tostas de abacate.

Sugerimos a entrada pela Travessa do Carmo (embora também se possa fazer pela Rua Garrett), um corredor largo e fresco, decorado com uma passadeira azul e um néon que anuncia o destino: Hay Carmo. Juliana Cavalcanti, responsável criativa e curadora da loja, teve carta-branca para desenvolver o projeto. Focou-se na moda feminina, mas admite que no futuro possam existir também propostas para homem e até para criança.

Fernando Branquinho

Por agora, são 18 marcas, cada uma com a sua identidade e espaço próprio dentro da loja, escolhidas pela qualidade, originalidade e imagem cuidada. Ali estão, os fatos de banho e biquínis da 38 graus, o calçado da Moskkito, a joalharia da Cinco, as saias, vestidos e tops muito femininos da Cau, as malhas de Susana Bettencourt, as carteiras da Minimalisbon, as peças de roupa da Juu (da própria Juliana Cavalcanti) e os lenços da More, todas marcas portuguesas. E também propostas internacionais, como as da Aÿa, que sobressai pelo lado artesanal das suas peças, em especial, dos vestidos de festa confecionados à mão; e as da Valónia Véras, com camisolas e vestidos de neoprene, pretos e bordados de pedraria.

“Não conhecia todas as marcas. Fiz, e continuo a fazer, muita pesquisa, principalmente nas redes sociais, onde se encontra muita coisa interessante. E a ideia é também ajudar marcas mais pequenas”, explica Juliana Cavalcanti. Outra curiosidade da Hay Carmo é a rotatividade: de dois em dois meses, há marcas que saem e outras que entram, criando um ciclo permanente de novidades. Aliás, esta quinta-feira, 29, dia da festa de inauguração, chegam novidades da Juu e quem quiser uma peça ainda mais especial, pode optar pelos blusões de ganga vintage que serão costumizados ao vivo por um street artist, uma ideia da criadora da marca Valónia Véras.

Em breve, o espaço exterior da Hay Carmo será dinamizado com iniciativas de moda, gastronomia e música. “A ideia é passar a ter, pelo menos uma vez por mês, uma festa, um lançamento ou um fim de tarde animado por um dj”, diz Juliana Cavalcanti.

Fernando Branquinho

Hay Carmo > Tv. do Carmo, 1C, Lisboa > T. 21 346 0514/ 96 302 4497 > seg-sáb 10h-20h