Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Sabores d’Itália: Bom gosto a toda a prova, nas Caldas da Rainha

Comer e beber

O encontro dos sabores italianos com os saberes portugueses resulta em paixão. Tudo feito com produtos de qualidade e aprumo técnico. A opinião do crítico gastronómico da VISÃO Se7e, Manuel Gonçalves da Silva, sobre o restaurante Sabores d'Itália

O restaurante divide-se em duas salas, com decoração contemporânea, luz e cores suaves, mesas amplas e ambiente acolhedor

O restaurante divide-se em duas salas, com decoração contemporânea, luz e cores suaves, mesas amplas e ambiente acolhedor

Quando abriu, em 1995, nas Caldas da Rainha, o restaurante Sabores d’Itália causou espanto, por não haver nada do género por aqueles lados, e admiração, por mostrar como pode ser virtuosa a relação da cozinha italiana com os produtos portugueses. A iniciativa foi do casal Maria João e Norberto Marcelino, ambos com formação em cozinha italiana, feita na Suíça, à qual acrescentaram a sua criatividade e o seu gosto pelos produtos frescos da região. Além dos produtos de qualidade e da culinária cuidada, o restaurante conta, desde 2010, com novas instalações, no centro da cidade (estacionamento por baixo, pago pelo restaurante), destacando-se as duas salas com decoração contemporânea, luz e cores suaves, mesas amplas, cadeirões confortáveis e ambiente acolhedor.

A ementa é extensa e diversificada, com dez entradas, três sopas, três saladas, quatro massas italianas, sete massas caseiras, três risotos, cinco pratos de peixes e marisco, cinco de carne, várias pizzas (são alternativas, todas feitas com verdadeiro queijo mozzarella italiano) e uma dúzia de boas sobremesas. De terça a sexta-feira, ao almoço, a “ementa do dia” permite comer bem e barato: couvert, entrada, prato, bebida, sobremesa e café por 16 euros. As entradas são pequenas delícias, como o carpaccio de atum e o melão com presunto de Parma, ambos validados pela qualidade dos produtos; o vitello tonnato, em fatias de vitela assada; o fritto misto di mare, com gambas e lulinhas em tempura e maionese de limão; os figos assados com queijo de cabra, já um clássico, que pode ser com nectarinas em vez de figos; as vieiras com espargos e molho de maracujá; e o escalope de foie gras. Boas sopas, em especial a de peixe e marisco e o creme de tomate com pesto de manjericão. Nas massas evidenciam-se: tortelloni de vitela de leite com nozes e natas; e pansoti de camarão com molho de mascarpone e aneto. E outro duo se impõe nos risottos: de sapateira com coentros (picante) e de lima com vieiras e espargos verdes.

Quanto aos pratos, saboreiem-se, por exemplo, o atum com sésamo e molho de pimentos assados, o folhado de gambas com cantarelos, os medalhões de tamboril com molho de lima, o peito de pato com molho de Porto e clementinas e os bifes (da vazia, grelhado, com manteiga de ervas aromáticas, e do lombo de novilho, com molho gorgonzola). Havendo saltimboca de vitela, não percam. Para sobremesa, três sugestões: sinfonia de pera rocha (a dita em tarte, mousse, sorvete, seca e no molho), crepe de figo com creme de ovo e gelado de vinho moscatel, e panna cotta de especiarias. Garrafeira muito interessante com dois brancos, dois tintos e um espumante a copo. Serviço tão eficiente como simpático.

Sabores d'Itália > Pç. 5 de Outubro, 40, Caldas da Rainha > T. 262 845 600 > ter-dom 12h30-14h30, 19h-22h > €35 (preço médio)