Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

No BrunchVilla, em Lisboa, há menus para veganos, para gulosos e para curar ressacas

Comer e beber

Imagine-se um mercado que, em vez de bancas de roupa, tem banquinhas a servir brunch. É o BrunchVilla, organizado pelo Casal Mistério, que acontece neste sábado e domingo, dias 10 e 11, em Marvila

Croissants estaladiços, da padaria e pastelaria Tartine, ovos mexidos com óleo de trufa, do restaurante Eleven, e gyosas de lavagante, d’ O Asiático, do chefe Kiko Martins. Estas são apenas três opões que vão estar disponíveis no BrunchVilla, organizado pelo Casal Mistério, que decorre este fim-de-semana, dias 10 e 11, no Armazém 6, em Marvila. A estas iguarias junta-se a batata-doce, os ovos benedict, os sumos de fruta naturais, entre outros mimos, que não podem faltar numa refeição que se quer demorada e que mistura os ingredientes de um pequeno-almoço reforçado com a consistência de um almoço.

“O brunch é a nossa refeição preferida”, declara o Casal Mistério, que passa a vida a cozinhar, a comer e a viajar, principalmente por Portugal, como dizem em tom de brincadeira. "É a refeição mais democrática de todas”, afirmam ainda, em sintonia, Ela e Ele assim se identificam ao telefone, de forma a manter o anonimato. “Podemos escolher a hora e o que queremos comer”, continua Ele, que teve esta ideia de organizar esta feira de brunches.

Apesar de Ele saber cozinhar, e de Ela, acima de tudo, gostar de comer, o Casal Mistério não estava à espera que os seus restaurantes com brunch preferidos alinhassem nesta aventura. Mas aceitaram o convite e, durante os dois dias, vão ocupar o armazém do Prateato Design Lofts, na Rua Pereira Henriques, em Marvila.

O chefe Joachim Koeper, do Eleven, o primeiro brunch com uma Estrela Michelin em Lisboa, vai preparar ovos mexidos com óleo de trufa, por exemplo. O chefe Kiko Martins leva dois menus especiais inspirados na cozinha do seu restaurante O Asiático, nos quais constará tatakis e gyosas de lavagante, pouco habituais num brunch. Do vizinho Café com Calma, em Marvila, chegam três menus, um deles para criança. Do Choupana Caffe esperam-se as french toasts com bacon crocante e ovo estrelado e as panquecas "maravilhosas", e do Go Natural, as “divinais" torradas de batata-doce, entre muitas sugestões saudáveis. Sobre esta sugestão, O Casal Mistério deixa até a receita: cortar a batata-doce em fatias finas e levar à torradeira até ficar tostadas; em seguida, barrar com manteiga ou compota. Ainda na linha saudável e vegan, sugere-se o Local – Your Healthy Kitchen, com restaurantes em Lisboa e em Cascais, e o Naked. Falta ainda referir os croissants, estaladiços e açucarados, e os ovos Benedict da padaria e pastelaria Tartine. A cereja no topo do bolo? Os menus custam 12 euros, podendo ainda optar-se pelos extras que cada um dos oito restaurante tem para oferecer.

Para lá dos oito restaurantes lisboetas presentes, há ainda oito outras propostas para espreitar no BrunchVilla. Como o Cantinho da Ressaca, com sugestões que ajudam “a sobreviver àquelas manhãs mais difíceis, em que a dor de cabeça não ajuda a esquecer a violenta noite de copos na véspera”, resume o Casal Mistério. Já no Cantinho para a Desgraça, alinham-se os bolos da banca Nós é Mais Bolos, e no Cantinho dos Gelados, podem saborear-se as diferentes combinações de sabores da gelataria Nannarella. Para beber os sumos naturais da Veggie Wave, será necessário pedalar em cima de uma bicicleta para fazer o seu próprio sumo. "Quanto mais pedalar, mais fruta vai conseguir triturar", avisa a organização.

Para evitar filas e garantir mesa no BrunchVilla, sugere-se a compra antecipada do bilhete, escolhendo o dia e o horário (há quatro sessões, fica a nota).

José Faria

BrunchVilla > R. Pereira Henriques, Armazém 6, Marvila, Lisboa > 10-11 nov, sáb-dom 10h-19h, com quatro sessões por dia: 10h-12h, 12h-14h, 14h- 16h e 16h-18h > €3, menores de 12 anos grátis > menus €12