Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Com o pé na areia: 14 bares e restaurantes para petiscar, almoçar ou jantar com vista para o mar

Comer e beber

Ao longo da nossa costa, as férias de verão duram mais tempo e os dias de sol prolongam-se à mesa ou no areal da praia. Nestes 14 bares e restaurantes, de norte a sul, serve-se peixe e marisco fresco, pratos tradicionais e sugestões mais leves – para que nada impeça um merecido mergulho

A meio caminho entre a piscina do Vila Joya e a quase privada praia do Xiringuito, fica o Vila Joya Sea, de ambiente descontraído e com uma ementa criada pelo chefe Dieter Koschina

A meio caminho entre a piscina do Vila Joya e a quase privada praia do Xiringuito, fica o Vila Joya Sea, de ambiente descontraído e com uma ementa criada pelo chefe Dieter Koschina

Filipe Farinha

1. Vila Joya Sea, 
Albufeira

Debruçado sobre a praia 
do Xiringuito, o Vila Joya 
Sea não é só um dos bares 
de praia mais bonitos 
(e exclusivos, acrescente-se) do Algarve. É também um verdadeiro paraíso para os amantes da boa cozinha. 
Há, no entanto, que ir com tempo (ou fazer reserva) para ser um dos 25 felizardos a ter direito a um lugar, seja no balcão ou nas mesas. Agora, que se está devidamente acomodado, é para a ementa, criada pelo chefe austríaco Dieter Koschina (com duas Estrelas Michelin) e assente nos mariscos e carnes grelhados, que se viram 
todas as atenções. Para dar início à refeição, há cocktails de autor, ostras, salada de quinoa e mini waygu burger, ideais para dias quentes. Além do peixe do dia e dos carabineiros grelhados, as sugestões incluem ainda sushi, sashimi e tataki de atum. O resto... é paisagem 
e muita descontração. Praia do Xiringuito, Albufeira 
> T. 289 5912 795 > ter-dom 13h-21h

O Sunset (infusão de lúcia-lima, polpa de manga, lima, Aperol e Absolut Blue) e o Beach Lounge (sem álcool, com lima, morango, hortelã e ginger ale) são dois dos cocktails da carta do Capricciosa Beach Lounge

O Sunset (infusão de lúcia-lima, polpa de manga, lima, Aperol e Absolut Blue) e o Beach Lounge (sem álcool, com lima, morango, hortelã e ginger ale) são dois dos cocktails da carta do Capricciosa Beach Lounge

Marcos Borga

2. Capricciosa Beach Lounge, Carcavelos

Há palmeiras, areia, mar à vista e uma lista de cocktails para provar pela tarde fora. Podíamos ter viajado para um destino longínquo, mas estamos na praia de Carcavelos, e aqui também não se está nada mal. Foram estes os motivos que levaram os amigos Filipe, Gabriel, Amanda e Ana a preferirem o beach lounge da pizzaria Capricciosa ao areal, ali a dois passos. “Aqui em cima, a vista para o mar é muito melhor”, diz Filipe, porta-voz deste grupo de brasileiros em férias por Lisboa. Na zona mais descontraída da pizzaria, saltam à vista as camas, dispostas em cima de um “tapete” de areia, viradas para o azul do mar, entre mesas e cadeiras de esplanada.
Qualquer que seja o lugar escolhido 
(e as intenções para o dia), peça-se o cocktail Sunset, preparado com infusão de lúcia-lima, polpa de manga, lima, Aperol e Absolut Blue, em versão copo (€6), XL (€9, 0,5 litros) e XXL (€50, 
3 litros), ou o Beach Lounge, sem álcool, com lima, morango, hortelã e ginger ale. Para acompanhar com um rotolini (rolo de pizza com mozarela, tomate, salame picante e orégãos), uma pizza ou uma salada, sempre com muito sol à mistura. Praia de Carcavelos, Av. Marginal, Cascais 
> T. 21 457 9254 > dom-qui 12h-24h, sex-sáb, véspera de feriados 12h-1h > camas: no restaurante €20 (dia), na praia €12,50 (dia), €7,50 (meio dia)

3. Troia Beach Club, Grândola

Há que levar o fato de banho e ir com tempo, 
ao Troia Beach Club. Ali, em dias de calor, o dia começa (obrigatoriamente) com um mergulho na piscina, e nem faltam as bolas de Berlim. Depois, 
há que espreitar a lista de bebidas, enquanto se aprecia a paisagem que rodeia este clube de praia, que pertence ao Troia Resort: de um lado, vê-se o azul do mar, a cerca de 150 metros; do outro, o verde da serra da Arrábida, mais ao longe. Já com um mojito ou uma caipirinha na mão (€7), deixe-se ficar a ouvir a música do DJ, durante a semana, a partir das 18 horas e, aos fins de semana, a partir das quatro da tarde. Troia Resort, 192, Troia, Grândola > T. 265 100 700 
> seg-dom 9h-20h > piscina : €25 (dia), €15 (meio dia)

No peixinho, em cima do areal do Meco, comem-se sanduíches e saladas

No peixinho, em cima do areal do Meco, comem-se sanduíches e saladas

4. Peixinho, Sesimbra

É tempo de passar o testemunho no Bar do Peixe, aquela paragem obrigatória quando se entra na Praia do Moinho de Baixo, mais conhecida como do Meco. No restaurante que olha de cima para o areal, continua a seguir-se a mesma receita: peixe fresco, magistralmente grelhado por Jorge, o dono, marisco delicioso e cocktails que têm gerado fiéis consumidores ao longo dos anos (deixe-se aqui um suspiro pela morangoska e outro pelo mojito). Este ano, quem está aos comandos é Marta, filha de Leonor e Jorge, recém-chegada da Austrália, onde estudou fotografia, e do seu namorado, André. 
Na cozinha, ao lado da mítica Gertrudes, pequenina em tamanho mas grande a despachar serviço, está também a sua filha, que promete seguir-lhe os passos, para que, em breve, a mãe possa descansar.
E como se este sangue novo não bastasse, para que o Bar do Peixe respirasse um ar renovado, eis que, mesmo no areal, junto às espreguiçadeiras, abriu o Peixinho. Aqui só podem comer-se sanduíches e saladas feitas pela Sofia, a filha mais velha do casal, que é nutricionista. E beber coisas de lata. Porém sabe muito bem estar debaixo destes guarda-sóis, num registo mais informal. Para qualquer emergência, como beber uma magnífica sangria branca, por exemplo, pode sempre recorrer-se aos serviços 
do bar de cima – e ninguém sairá defraudado. L.O. Praia do Moinho de Baixo, Aldeia do Meco, Sesimbra 
> T. 96 728 2117 > qua-seg 11h-24h

As amêijoas à Bulhão Pato são um dos petiscos mais apreciados no renovado Moreiró Beach Bar & Lounge, na Praia de Moreiró, em Labruge

As amêijoas à Bulhão Pato são um dos petiscos mais apreciados no renovado Moreiró Beach Bar & Lounge, na Praia de Moreiró, em Labruge

Lucilia Monteiro

5. Moreiró Beach Bar & Lounge, Vila do Conde

É preciso passar por ruas estreitas, atravessando campos de milho e terrenos agrícolas, para se chegar à Praia de Moreiró, bem próxima do histórico Castro de São Paio, em Labruge. 
No entanto, será o facto de a praia não estar ali à mão de semear que a faz ser tão especial. O bar, renovado em junho por José Carlos Gonçalves, está agora pintado de branco, com guarda-sóis e mesas da mesma cor, um ou outro apontamento de verga, e sabe bem ficar ali a olhar as ondas, por vezes fortes, do Atlântico. A música ambiente é calma – o proprietário sabe que “esta é uma praia única e há que a respeitar”. Do balcão saem sugestões para todas as horas – tigelas de açaí, saladas de salmão fumado (€9,50), feijão-fradinho e atum ou tomate e mozarela (€7), hambúrguer com bacon e queijo das ilhas (€5,50) –, mas são os petiscos os mais pedidos, como amêijoas à Bulhão Pato (€14), caracóis, pimentos padrón ou mexilhões. E que bem sabem a sangria, as ponchas (de morango ou de tangerina) ou os sumos naturais, que podem levar-se para 
o areal. Aos domingos, a partir das cinco da tarde, há sempre um sunset com música num volume aceitável, para não destoar do ambiente em redor. Praia de Moreiró, Labruge, Vila do Conde > seg-dom 9h-20h

6. Só Verão, Armação de Pera

É com o pé (quase) na areia que se está no novo Só Verão, na Praia dos Pescadores, em Armação de Pera, entre os restaurantes Praia Dourada e Arte Náutica (todos pertencentes ao hotel Vila Vita Parc). Decorado em tons pastel, que combinam com as madeiras cruas e douradas, no Só Verão respira-se descontração e informalidade, a que se junta uma carta com pratos de comida portuguesa, sublinhe-se: sopa de peixe com coentros, gaspacho com croutons de alho ou salada de polvo, para entrada. 
Os grelhados de peixe e de carne não podiam faltar e, na secção a que chamaram Básicos de Verão, as escolhas passam pelos tradicionais polvo à lagareiro e 
bacalhau à Brás. Entre um mergulho e outro, provem-se as caipirinhas e os mojitos de morango, manga ou maracujá. Praia dos Pescadores, Armação de Pera, Silves > T. 282 314 697 > seg-dom 12h-22h (jun-out)

No Areal Beach Bistrot by Chakall Lourinhã combinam-se os sabores das cozinhas argentina e portuguesa

No Areal Beach Bistrot by Chakall Lourinhã combinam-se os sabores das cozinhas argentina e portuguesa

7. Areal Beach Bistrot by Chakall, Lourinhã

Este ano, o Areal Beach Bistrot by Chakall, na Praia do Areal Sul, na Lourinhã, está mais completo e requintado. “Antes, funcionava como um simples bar de praia, mas agora nós também temos um restaurante, uma ementa mais elaborada e música ao vivo”, explicam os chefes (e irmãos) Chakall e Silvina Lopez. Cada um tem as suas tarefas definidas, com o comando entregue a Silvina. A nova ementa – há ainda uma mais simples, em que se destacam as empanadas – combina os sabores das cozinhas argentina e portuguesa, e trabalhamos, essencialmente, com produtos da região Oeste: peixe da lota de Peniche, batata-doce, abóbora, entre outros legumes comprados a pequenos produtores: “Têm uma qualidade e sabor completamente diferente”, defende Chakall, que viveu 
12 anos na Lourinhã. Prove-se, então, o Cao Cao de Gambas, nas entradas, e o Ojo de Bife Argentino, nas carnes. Já o polvo Nipo Tuga, uma tempura de polvo com migas de tomate e coentros, é uma sugestão fresca e estaladiça. Para terminar, uma bola de Berlim recheada com creme de pera rocha e aguardente da Lourinhã, receita especial do chefe, inspirada neste lugar. Praia do Areal Sul, Estr. do Areal, 70, Lourinhã > T. 261 414 182 
> seg-dom 8h30-22h

8. Pôr do Sol, Grândola

A praia do Carvalhal tem um dos finais de dia mais bonitos que já vimos – e nada melhor do que assistir ao Sol a desaparecer lentamente no horizonte, comendo com o mesmo empenho. 
A simplicidade joga a favor deste restaurante com esplanada, mesmo em cima da areia, que atrai pelas especialidades que esperamos de uma cozinha portuguesa perto do mar. Os peixes são frescos e bem grelhados (para pedir com vegetais gordos e batatas ou arroz de tomate), e o camarão frito à casa continua a ser um dos pratos mais pedidos. O mesmo acontece com a sopa de tomate com peixe e a massinha de garoupa, ricas e de sabores apurados, as espetadas 
de vazia e camarão, e as carnes que se dão bem com o carvão, como a picanha e os secretos 
de porco. R.M.C. Praia do Carvalhal, Grândola 
> T. 265 497 225 > seg-sex 9h-24h

Entre sumos naturais, limonadas e cerveja, servida em chávena gelada, o bar da praia da Costa Nova, em Aveiro, tem saladas, sanduíches e tostas

Entre sumos naturais, limonadas e cerveja, servida em chávena gelada, o bar da praia da Costa Nova, em Aveiro, tem saladas, sanduíches e tostas

Lucilia Monteiro

9. Costa Nova Beach Club, Aveiro

Pintado de um branco imaculado e com camas de rede, o Costa Nova Beach Club podia estar nas Caraíbas, mas fica no Litoral de Aveiro, onde um grupo de amigos, entre os 40 e 50 anos, decidiu recuperar as memórias das suas férias de infância, passadas neste areal. Renovado no ano passado, assumiu o nome da praia e da marca de louça em grés da região, a qual nos chega à mesa, desde os pratos às chávenas. O branco é a cor predominante, já se disse, com apontamentos em cinza nas almofadas e nas espreguiçadeiras, de uso gratuito, ou no tapa-sol a pensar nas famílias com bebés. As batatas fritas – feitas como antigamente, pela mesma senhora que as vendia na praia – são viciantes (a partir €2,50) e, além das saladas (vegetariana, camarão e de atum), servem-se também massas com tomate e manjericão ou de frango (a partir €8), sanduíches e tostas, a qualquer hora do dia. Para refrescar, há gelados, cocktails, cerveja numa chávena gelada e, até, espumante. Para brindar 
às memórias das férias de verão, pois então. Praia da Costa Nova, Aveiro > seg-dom 10h-20h

10. Daikiri Lounge Bar, 
Vila Nova de Gaia

No areal da praia da Madalena, junto ao passadiço, fica o único lugar onde encontrará coqueiros, sempre bem cuidados por Gabriel Alves e Tiago Martins, os concessionários do bar. Para os dias quentes sugerem-se os cocktails Coronorita (€7) ou a sangria Sparkling Blue (€18/jarro), as recentes entradas na carta. Acompanhe-se com panquecas de aveia, servidas com morangos e mapple syrup (€4,50), pudim de tapioca com açaí, além de saladas frescas, wraps e smoothies. Nos fins 
de tarde, em particular ao fim 
de semana, a música ao ritmo 
de DJ convidados eleva 
a temperatura. S.S.O. Praia da Madalena, Vila Nova de Gaia > T. 91 842 4324 > dom-qui 10h-24h, sex-sáb 10h-2h

O menu do Magic Cactus tem sugestões como robalo grelhado (€12,50), polvo à lagareiro (€15), amêijoas (€12,50), mas também pregos, bifanas e tostas

O menu do Magic Cactus tem sugestões como robalo grelhado (€12,50), polvo à lagareiro (€15), amêijoas (€12,50), mas também pregos, bifanas e tostas

José Carlos Carvalho

11. Magic Cactus, Sines

Fábio, 31 anos, e Miguel, 27, são dois irmãos que acabam de chegar de Inglaterra para transformar a Praia da Vieirinha, entre São Torpes e Porto Covo, no spot mais cool da região. Deixaram os bares de Londres entregues a pessoas de confiança e aventuraram-se na zona do coração, onde sempre fizeram mergulho nas férias em família. Como este bar de praia, onde se come mesmo com os pés na areia, está rodeado de catos e das suas flores, o nome veio por arrasto, em inglês, que é para todos perceberem. No entanto mesmo sem a ajuda da língua universal, não haveria quem não captasse a boa onda – as mesas e as cadeiras são às cores, há duas redes para nos baloiçarmos à deriva, um barco antigo de madeira, mesas feitas com troncos, toalhas que são panos étnicos, espreguiçadeiras abrigadas do sol. Tudo isto, com vista direta para o mar, sem interferências. Porém, o Magic Cactus não é apenas um lugar para estar em contemplação. Aqui também se trata, e bem, do estômago. A ementa foi pensada (e executada, claro) pelo chefe António Mateus. Das suas mãos saem robalos grelhados (€12,50), polvo à lagareiro (€15) e amêijoas (€12,50), mas também coisas mais simples como pregos, bifanas e tostas (€5,50). Expresso Martini é a bebida fetiche da casa, dizem-nos quando já estamos de saída. Agora, teremos de lá voltar para ver se vale realmente a pena. L.O. Praia da Vieirinha, Sines > T. 269 869 007 > seg-dom 10h-24h

12. Praia da Luz, Porto

O som do bater das ondas embala quem desce pela Avenida do Brasil até à esplanada do restaurante Praia da Luz, na Foz do Porto, uma das poucas que ali permanecem, seja verão ou inverno. É uma espécie de dois-
em-um, este lugar onde tanto se pode estar de biquíni e chinelos na esplanada, a beber um cocktail ou a comer uma salada, como sentar-se numa das duas salas do restaurante (a do andar de cima tem uma vista desafogada para o mar), para um almoço ou jantar descontraído. Da cozinha de Renato Sá, com consultadoria do chefe Luís Américo, tanto saem ostras ao natural (€12) como tártaros, ceviches, carpaccios e saladas – a portuguesa, com ovos de codorniz e azeitonas, é uma das novidades (€16). Av. Brasil, Porto > T. 22 610 0853 
> seg-dom 9h-2h

Tudo no restaurante Princesa faz lembrar o verão, desde os simples petiscos, como as gambas com alho e os chocos grelhados, ao tártaro de atum

Tudo no restaurante Princesa faz lembrar o verão, desde os simples petiscos, como as gambas com alho e os chocos grelhados, ao tártaro de atum

13. Princesa, Almada

Entre mergulhos e banhos de sol na Praia da Princesa, vale a pena fazer uma pausa para experimentar o tártaro de salmão e o pica-pau de atum com tomate cherry, cebola roxa e sumo de lima, duas novidades da carta do restaurante Princesa, assinada por Miguel Simões de Almeida. A par das clássicas amêijoas à Bulhão Pato, um dos petiscos favoritos do chefe formado na Suíça, bem como dos diversos peixe grelhados e mariscos, aposta-se em sugestões “mais alternativas e menos óbvias num restaurante deste género”, diz o chefe, enumerando ainda o arroz negro de choco fumado, um prato criado para esta época balnear. Os finais de tarde são preenchidos com DJ, cocktails frescos ou sumos detox, feitos com fruta natural e, sempre que possível, biológica. Praia da Princesa, Costa de Caparica, Almada > T. 21 154 1242 > seg-sex 11h-22h30, sáb-dom 11h-23h45

14. Maré at Pine Cliffs, Albufeira

O clube de praia do Pine Cliffs Resort, na Praia do Barranco das Belharucas, apresenta-se neste verão com novo nome. O agora Maré at Pine Cliffs tem a supervisão de Stuart Sage, chefe-executivo do hotel de cinco estrelas, que desenvolveu uma ementa inspirada nos sabores do mar e nos produtos algarvios: nas entradas, tártaro de atum amarelo com funcho, rúcula, abacate e alcaparras (€18), salada de lulas grelhadas com vegetais murchos e vinagrete de limão confitado (€12) ou ceviche de cavala com salada algarvia (€12); nos pratos principais, peixe fresco do dia no carvão, temperado com limão, azeite, ervas 
e alcaparras crocantes (€32) ou carabineiros grelhados (€48/3 unidades), para partilhar. A carne não fica de fora, aconselhando-se o frango piripiri à la Maré (€18), com molho tradicional (leve, médio e extra-picante). Para terminar, deixe-se tentar pelo arroz-doce tradicional com gelado de canela (€10,50). Seja para almoçar, petiscar ou jantar, a localização, no areal, continua a ser a mais-valia deste restaurante e bar de praia, que conta também com uma programação de festas, com destaque para as sextas-feiras, dia de sunset White Friday. Praia do Barranco das Belharucas, Pinhal do Concelho, Albufeira 
> T. 289 500 100 > seg-dom 9h-23h, serviço à la carte 12h-21h30

Para almoçar, petiscar ou jantar, a localização, no areal, continua a ser a mais-valia deste restaurante e bar de praia

Para almoçar, petiscar ou jantar, a localização, no areal, continua a ser a mais-valia deste restaurante e bar de praia

DR