Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Restaurante O Camões: Simples bom gosto em Vila Nova da Baronia

Comer e beber

O encanto discreto da cozinha alentejana com os seus produtos, cheiros e sabores característicos. A opinião do crítico gastronómico da VISÃO Se7e, Manuel Gonçalves da Silva, sobre o restaurante O Camões, em Vila Nova da Baronia

No restaurante O Camões ainda se encontram produtos 
e manjares alentejanos tão característicos como o feijão com carrasquinhas, uma planta da família do cardo

No restaurante O Camões ainda se encontram produtos 
e manjares alentejanos tão característicos como o feijão com carrasquinhas, uma planta da família do cardo

Filipe Pombo

Vamos ao Baixo Alentejo, por Évora e Viana do Alentejo, até Vila Nova da Baronia (uma das duas freguesias do concelho de Alvito, na região de Beja), levados pelo apelo da gastronomia regional. No interior do território alentejano ainda se encontram produtos e manjares tão característicos como as beldroegas e as carrasquinhas, as migas e as sopas, o borrego e o porco preto. É isso que acontece no restaurante O Camões, em Vila Nova da Baronia, fácil de encontrar entre o casario de piso térreo e cor branca (com barra azul ou amarela), por ter a metade inferior da fachada revestida com tijolo-burro. Na sala, repete-se a rusticidade do tijolo, com arcos a delimitar duas áreas, lareira de chão, toalhas aos quadrados vermelhos e brancos ou toalhetes da mesma cor, louças de barro, utensílios da lavoura e fotografias antigas a decorar as paredes. O ambiente é familiar, com a dona da casa – Benedita, de seu nome – na cozinha, e o seu filho na sala, ambos irradiando simpatia.

Sobre a mesa há tiborna (pão quente com alho, azeite e açúcar), que é oferta da casa, tal como o licor de poejo servido no final da refeição. Sabe bem e não impede, antes incute, o desejo de uma boa entrada, que pode ser paio alentejano, toucinho entremeado com sal e alho (“salgadinho com alhinho”, no falar local), queijo de ovelha, ovos mexidos com espargos ou outro petisco tradicional, como a cabeça de xara, no inverno. As pataniscas são muito saborosas e não faltam clientes que as escolhem para prato principal, com um bom arroz de feijão a acompanhar; as açordas de beldroegas com ovo e batatas, cuja época está no início, e de alho com bacalhau e ovo, também se insinuam, tal como a sopa de cação, odorosa a coentros, o ensopado de borrego, que recende a hortelã, as migas de espargos com carne de alguidar, temperada à moda do Alentejo e frita (ou com secretos grelhados de porco alentejano), o feijão com carrasquinhas (caule de uma planta da família do cardo) e perna de porco no forno com batatas assadas e arroz de coentros, entre outros pratos bem cozinhados e cheios de sabor. Doçaria apelativa, como encharcada, farófias e tigelada. Só vinhos do Alentejo, incluindo o da casa.

O Camões > R. 5 de Outubro, 15, Vila Nova da Baronia > T. 284 475 209 > ter-dom 12h-15h, 19h-23h > €15