Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Restaurante Almeja: Portuguesíssimo

Comer e beber

Peixe de pesca à linha, bochechas ao vinho e lingueirão com presunto e algas são alguns dos pratos do primeiro restaurante do chefe João Cura aberto próximo do Mercado do Bolhão, no Porto

O Almeja serve cozinha de autor, com “raízes muito portuguesas

O Almeja serve cozinha de autor, com “raízes muito portuguesas

Lucilia Monteiro

João Cura e a mulher, Sofia Amaral Gomes, encontraram numa antiga mercearia de venda a granel, a dois passos do Mercado do Bolhão, no Porto, o lugar para o tão desejado restaurante de cozinha de autor em ambiente descontraído que acabaram de abrir. “É casual fine dining. Não temos a restrição de fato e gravata, queremos que as pessoas se sintam em casa”, diz João Cura, que trocou o curso de farmácia pela Escola de Hotelaria. Seguiu depois para Barcelona, tendo passado por restaurantes de Estrela Michelin, como o Dos Cielos by Hermanos Torres e o Cinc Sentits. Regressou a Portugal há cerca de um ano determinado a concretizar um projeto seu. “Era uma ânsia”, recorda Sofia.


O Almeja serve cozinha de autor, com “raízes muito portuguesas” e influenciada pelos produtos de mercado e da época, descrevem. “No menu de degustação está a nossa versão da salada de carapau seco da Nazaré e do pastel de bacalhau.” Mas há mais. Peixe de pesca à linha (€21), cabrito acompanhado por dois tipos de cevada e uvas (€20), bochechas de porco ao vinho, confecionadas como as da avó, mas finalizadas de outra forma (€15). Para terminar a refeição, vale a pena provar a rabanada, com base de brioche, acompanhada de bacon caramelizado e gelado de leite fumado (€5). “Dou sempre ênfase ao produto, ao ingrediente”, sublinha o chefe. Ao almoço há menu executivo, que inclui a entrada, prato de peixe ou carne, copo de vinho e sobremesa (€15).


Com duas salas e uma acolhedora esplanada com jardim, o restaurante reflete a preocupação ambiental de Sofia Amaral Gomes, na escolha de guardanapos de linho, nas bolinhas de musgo e heras a decorar as mesas e até nos ninhos do artista espanhol Carlos Villoslada pendurados à entrada. “Queremos servir uma experiência de excelência”, resume.

Pimento assado, tomate, carapau e pickles

Pimento assado, tomate, carapau e pickles

Lucilia Monteiro

Almeja > R. Fernandes Tomás, 819, Porto > T. 22 203 8120 > ter-sáb 12h30-15h30, 19h30-23h (até final dezembro abre também ao domingo)