Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Symington Family Estates: Portos Vintage 2015

Comer e beber

  • 333

A prova de novos Vintage é sempre uma experiência enriquecedora e chega a arrebatar-nos quando os vinhos se aproximam da perfeição. A opinião do crítico gastronómico da VISÃO Se7e, Manuel Gonçalves da Silva, sobre a Symington Family Estates

Os Symington são os maiores proprietários de vinhas no vale do Douro e estão entre os principais produtores de vinho do Porto das categorias especiais, com cerca de um terço destes Portos de qualidade superior. Acabam de apresentar quatro Portos Vintage de 2015, que estão a caminho do mercado e que não vão agitá-lo com a sua invulgar qualidade.

De origem escocesa, inglesa e portuguesa, os Symington são produtores de Vinho do Porto desde 1882, há cinco gerações, mas têm laços familiares que se estendem ao longo longo de 14 gerações, até 1682, e os ligam aos pioneiros. Cinco elementos da família - Paul, Johnny, Rupert, Dominic e Charles – trabalham em conjunto nas quatro grandes casas de Vinho do Porto históricas que integram o grupo económico: Graham’s, Cockburn’s, Dow’s e Warre’s. Detêm uma área total de 2243 hectares - no vale do Douro, Património da Humanidade, nunca é demais lembrá-lo -, dos quais 1032 são de vinha, distribuída por 28 quintas (com a maior área em Portugal com certificação biológica: 112 hectares).

Cerca de 20 por cento da vinha pertence a elementos da família, a título particular, singularidade que se justifica com a convicção profunda de que não é possível fazer grandes vinhos sem controlo que começa necessariamente na vinha. Não admira que os vinhos do Porto da família Symington colecionem prémios, entre os quais se contam os 100 pontos atribuídos ao Dow’s Porto Vintage 2007 pela revista norte-americana Wine Spectator, que, mesmo não sendo a Bíblia do vinho, influencia o mercado em todo o mundo. Perto da perfeição, entre 95 e 99, há outros vinhos. E é por esse caminho que vão os quatro Vintage de 2015.

Cockburn’s Porto Vintage Bicentenário 2015

A caminho de restabelecer a fama dos Vintage da Cockburn’s, que foi enorme: cor muito concentrada, aroma intenso e rico com notas de esteva e de violeta, paladar elegante com taninos sedosos, mas com garra, e estrutura harmoniosa com frescura e nervo em perfeito equilíbrio. €80

Dow’s Quinta da Senhora da Ribeira Porto Vintage 2015

Cor púrpura-negra muito intensa, quase opaca, aromas florais típicos muito marcados, como a violeta, paladar complexo e austero com taninos de grande qualidade e acidez perfeitamente equilibrada, num conjunto excecional. €65

Graham’s The Stone Terraces Vintage Porto 2015

Elegância e complexidade - assim se diz este vinho, em duas palavras. O aroma é inebriante com requintes florais, evocando a rosa. O paladar revela elegância, frescura e poder, com fruta muito madura que quase se mastiga e que fica lá, de forma persistente. €180

Quinta do Vesúvio 2015 Porto Vintage

Feito como antigamente, só em lagar, com pisa a pé, tem cor intensa, aroma complexo em que se destacam notas de esteva e apontamentos de especiarias, e paladar elegante com taninos muito finos e macios, acidez correta e um toque de mineralidade num conjunto bem estruturado e poderoso. €80