Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Arquinho do Castelo: Cozinha do mar

Comer e beber

É um referência da cozinha regional na zona de maior concentração de restaurantes de Leça da Palmeira. A opinião do crítico gastronómico da VISÃO Se7e, Manuel Gonçalves da Silva, sobre o restaurante Arquinho do Castelo

LUCILIA MONTEIRO

Bem localizado, junto do Largo do Castelo, este restaurante tem instalações modernas e confortáveis com um pequeno bar e duas salas muito acolhedoras. Mas o seu grande atrativo é a cozinha, onde nunca faltam peixes e mariscos de qualidade e frescura irrepreensível, nem boas carnes, como as de cabrito, de pato e de vitela. Acresce a culinária sólida e competente. E é por tudo isso que o Arquinho do Castelo tem clientes fiéis em todo o país.

A ementa é extensa e tem bons motivos de interesse em todos os capítulos. Servem de exemplo, nas entradas: amêijoas à Bulhão Pato (sempre do Algarve, frescas, grandes, carnudas, deliciosas), camarão da costa, perceves, carabineiros (com um excelente molho criado pelo dono da casa), bolinhos e pataniscas de bacalhau, croquetes, petingas fritas e cogumelos recheados (levam carne picada de vitela e queijo e vão a gratinar); nos pratos principais: lampreia, que se destaca nesta época do ano, sendo preparada com mestria em arroz como e à bordalesa (quem aprecia estas iguarias tem aqui um lugar seguro), robalo no sal (com um arroz de legumes excelente), arroz de polvo com filetes do mesmo (o polvo mais tenro que se pode imaginar e o arroz malandro, acabado de fazer), arroz de tamboril com gambas, lulinhas salteadas em azeite e alho, bacalhau com natas, polvo assado no forno (por encomenda, porque leva horas a cozinhar, até ficar tão macio que se desfaz na boca), vitela maronesa com arroz seco de vitela, bife de massa folhada, cabrito assado com batatas e arroz de forno (ao sábado) e arroz de pato (sábado e domingo ao almoço). De segunda a sexta-feira, ao almoço, há dois pratos do dia, um de peixe e outro de carne, que são mais económicos, estão prontos a sair e não ficam a dever nada aos restantes, em termos de qualidade. Boa doçaria caseira, salientando-se o leite-creme queimado na hora, a aletria e o bolo do chocolate com gelado. Boa garrafeira.

Lucília Monteiro

O Arquinho do Castelo > R. do Castelo, 51, Leça da Palmeira > T. 22 995 1506 e 93 931 8239 > seg-sáb 12h-15h30, 19h30-23h, dom 12h-15h30 > €25 (preço médio)