Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

A descontração instalou-se no Porto Palácio Hotel

Comer e beber

  • 333

Com a chegada do chefe de cozinha Álvaro Costa ao Porto Palácio Hotel, as hostes prometem animar na avenida da Boavista. Ambiente mais leve e cosmopolita, carta bem colorida e muitos eventos especiais marcam a agenda

Álvaro Costa prepara uma salada de salmão curado com manteiga de feijão e maionese de tinta de choco. Um prato bem colorido, como é a sua marca

Álvaro Costa prepara uma salada de salmão curado com manteiga de feijão e maionese de tinta de choco. Um prato bem colorido, como é a sua marca

Lucília Monteiro

“Vivo muito para lá das paredes da minha cozinha”, diz Álvaro Costa. Essa característica, acredita, esteve na base do convite do Porto Palácio Hotel para ocupar o cargo de chefe executivo, em janeiro deste ano. É um regresso à avenida da Boavista, fechando o triângulo dos hotéis de cinco estrelas. “Venho com muita vontade de mostrar à cidade que aqui consigo ser tão descontraído e caloroso como noutros sítios por onde passei”, garante. O 19.º andar do edifício, ocupado pelo VIP Lounge, com uma vista impressionante, é o lugar ideal para começar a festa e esbater a imagem mais protocolar e clássica do passado.

Lucília Monteiro

É por este espaço que vão passar, pelo menos numa fase inicial, as grandes transformações do Porto Palácio. Haverá uma carta pequena, mudada semanalmente, com três entradas, três pratos principais e três sobremesas, onde entram propostas como enchido de cebola crocante (com mousse de favas e ovo de codorniz), bacalhau confitado em azeite (com creme de couve flor e hortelã, crocante de couve galega e grão) ou magret de pato em porto rubi (com risoto de beterraba e tempura de suas folhas). Terão ainda um menu de degustação, renovado todos os meses (€50 por pessoa, sem bebidas), com empratamentos e ingredientes atuais. O de abril contará com tártaro de tomate, tramezini e folhas frescas com pesto de azeitona negra, dorso de robalo em escabeche ligeiro, cenoura e folhas de beterraba com maionese de tinta de choco e naco de novilho, molho de café e whisky de malte com crocante de batata. “Gosto de brincar com as cores dos pratos, recorrendo a técnicas simples”, sublinha Álvaro Costa.

Quinzenalmente, haverá gin & ostras, ao final da tarde, entre as 17h e as 21h

Quinzenalmente, haverá gin & ostras, ao final da tarde, entre as 17h e as 21h

Lucília Monteiro

A agenda será bem preenchida, dando largas à simpatia do chefe de cozinha. Recupera, desde logo, o dueto quinzenal de gin & ostras (3 ostras €7,50), ao final da tarde, entre as 17h e as 21h, (que fez sucesso no hotel NH Collection, na Batalha, aquando da sua passagem), com um dj a animar as hostes. Mensalmente, também ao final da tarde, o VIP Lounge acolherá um Encontro com os Vinhos (€15), uma mostra de ensaios especiais de vários produtores, acompanhada por petiscos. Já começaram igualmente os Ciclos Gastronómicos (€40, tudo incluído), em que se juntará um produtor de vinhos com outros dois produtores alimentares num jantar especial.

Será mantido o brunch ao domingo, anunciando-se uma edição especial de Páscoa, no dia 16 (das 11h às 15h30, por €30), com cabritinho assado com brullé de grelos a juntar-se às sugestões habituais. Homenageando o facto da génese da Confraria das Tripas à Moda do Porto ter uma ligação a este hotel (pela mão do chefe de cozinha Hélio Loureiro), irá ainda convidar várias confrarias para jantares especiais. Ideias, como se vê, não faltam. É só deixar rolar a descontração.

Porto Palácio Hotel > Av. da Boavista, 1269, Porto > T. 22 608 6600 > seg-dom 17h-01h