Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Mendi: Sedução indiana

Comer e beber

No Porto, na avenida da Boavista, o Mendi é uma referência do oriente, com longo historial ao serviço da cozinha indiana. A opinião do crítico gastronómico da VISÃO Se7e, Manuel Gonçalves da Silva

O Mendi 
é o mais antigo restaurante indiano 
do Porto

O Mendi 
é o mais antigo restaurante indiano 
do Porto

O mais antigo restaurante indiano da cidade do Porto é o Mendi, que comemora este mês de fevereiro vinte anos de atividade (feitos no dia seis) e que se orgulha de continuar com “os mesmos cozinheiros da sua abertura, a excelente tradição e cuidado na confecção de todos os seus pratos”. Bem localizado, em plena Avenida da Boavista, é um espaço acolhedor com decoração baseada em motivos indianos e ambiente intimista, familiar, confortável. Do típico forno indiano, ou Tandoor, saem iguarias que deliciam os clientes com a multiplicidade de combinações de especiarias e a variedade e delicadeza de sabores. Não é preciso conhecer para apreciar esta cozinha.

A ementa é extensa, mas não exaustiva, pois deixa de fora alguns pratos que são feitos por encomenda. Vale a pena perguntar por eles. Para entrada, as chamuças (“samosa”) são deliciosas e quase inevitáveis, sejam de carne de borrego ou vegetarianas, mas há outras propostas sugestivas, como os fritos de cebola (“onion bhaji”) ou de queijo fresco e espinafres ligeiramente condimentados (“hara bara kabab”). Os grelhados no Tandoor são variados, destacando-se os cubos de frango marinados em queijo fresco caseiro (“murgh malai kabab”) e o misto de frango e borrego (tarah tarah ke kabab).

O caril também não podia deixar de estar bem representado, insinuando-se o de camarão (“goanese prawn”), com textura suave e sabor delicado, e o de frango, alho, cebola, couve-coração, gengibre e malagueta verde (“murgh jhalfrezi”), picante. O queijo fresco com esparregado, natas e especiarias (“palak paneer”) e as lentilhas com tomate, natas e especiarias (”dal makhani”) são pratos vegetarianos cheios de sabor que revelam outra vertente nobre da cozinha indiana. Simples e bons são, também, os pratos de arroz basmati (“biryani”) com camarão, borrego, frango e vegetariano.

Para sobremesa sugerem-se o gelado com amêndoa, cardamomo e pistáchio (“Kulfi”) e o bolo de ovos, amêndoa e noz-moscada (“bebinka”). Há bebidas tradicionais, como os batidos de iogurte (“lassi” doce e salado) e o sumo de limão com especiarias (“nimbu ka pani”), e uma pequena seleção de vinhos. Serviço eficiente e simpático.

Mendi > Av. da Boavista, 1430, lj. 1, Porto > T. 22 609 1200 e 22 609 9280 > seg-sáb 12h-15h, 19h30-22h30 (mais alargado sexta e sábado) > €25 (preço médio)