Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

A única marca de joalharia estrangeira na loja do Museu Britânico é portuguesa

Visão Se7e

  • 333

Com 80 anos de história, a Eleuterio está agora à venda no Museu Britânico

O convite para a marca portuguesa estar representada num dos mais importantes museus do Reino Unido surgiu depois de uma feira de joalharia em Birmingham. Os responsáveis da Eleuterio aceitaram-no prontamente.

O "orgulho" que sentiram foi ainda maior quando souberam que seriam a única marca de joalharia estrangeira presente na loja do Museu Britânico. "E joias em ouro, têm apenas as nossas", revela Luís Antunes, um dos dois irmãos (de entre sete) que em 2008 assumiram os comandos da empresa de e com nome de família.

Antes de ser marca de joias, Eleuterio era o nome do avô de Luís que, em 1895, criou um negócio de ourivesaria artesanal. Desde essa altura, a empresa cresceu, mas manteve-se familiar e não saiu de Travassos, a aldeia de Póvoa de Lanhoso, onde surgiu.

É lá que, em permanência, dez artesãos criam peças intemporais, elegantes, delicadas, românticas. E luxuosas (os preços variam entre os mil e os 10 mil euros).

Tal como no início, a utilização e a aplicação manual da filigrana mantém-se (embora o processo seja agora apoiado pela mais moderna tecnologia da fundição ao acabamento).

A esse trabalho difícil, minucioso, tradicional, a geração mais nova acrescentou apenas um toque contemporâneo que passa, muitas vezes, pela combinação com outros materiais, como o ouro branco, o ouro rosa, o ouro amarelo, os diamantes, as pedras finas, como rubis ou esmeraldas.

É nesse reinventar da tradição e no "rigor dos acabamentos", julga Luís, que reside a diferença das peças, onde se continua a ver o Norte de Portugal. A filigrana, o passado da marca e da arte tradicional portuguesa está lá todo, quer se trate de colares, brincos ou anéis.

Mas o Oriente é também uma fonte de inspiração e dá nome a, pelo menos, cinco coleções, como a Oriental Heritage ou a Oriental Fantasy, presentes na instituição britânica. Para já ainda não se pode dizer que sejam peças de museu. Mas quase...



ELEUTERIO

www.eleuteriojewels.com

À venda na Boutique dos Relógios (Lisboa), El Corte Inglés, Ourivesaria Arneiro (Sintra), O. Matos (Ponte de Lima), O. Tavares (Póvoa de Varzim), O. Nina Jóias (Amarante), Pires Joalheiros (Braga), Além Rio (Alenquer).