Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vaga de frio mata 300 pulgas amestradas em circo alemão

Sociedade

  • 333

Foi necessário recorrer a um especialista académico para, em tempo recorde, conseguir apresentar um número de circo com pulgas substitutas

A vaga de frio intenso que atingiu a Alemanha nas últimas semanas dizimou por completo as 300 pulgas amestradas que faziam um dos mais apreciados números de um circo alemão. Robert Birk, diretor do circo, conta que ficou "chocado" ao constatar, na última quarta-feira, que todas as pulgas estavam mortas na caixa onde eram transportadas. Até porque, garante, esta é a primeira vez que perdeu todas as pulgas da apresentação por causa das baixas temperaturas.

Para poder cumprir o compromisso de se apresentar numa feira na cidade de Mechernich-Kommern, no oeste da Alemanha, o circo foi obrigado a encontrar uma rápida solução. E conseguiu, em tempo recorde, encontrar pulgas substitutas. Para tal, recorreu a um especialista em insetos de uma universidade próxima, que conseguiu preparar 50 pulgas para a primeira apresentação, no último domingo.