Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Revelado outro escândalo de Michael Jackson

Sociedade

  • 333

Depois de se tornar público que Michael Jackson pagou 26 milhões de euros para silenciar alegadas vítimas de abusos, a imprensa internacional revela agora que o rei da pop havia instalado alarmes em redor do quarto, de forma a evitar ser apanhado

"Os dispositivos eram acionados assim que qualquer pessoa se aproximasse a nove metros do quarto de Jackson no rancho em Neverland", afirma Wade Robson de 30 anos, justificando que entre os seus 7 e 14 anos fora abusado pelo cantor.

Uma outra fonte próxima de Robson, que não revelou a sua identidade, acrescenta que esses alarmes estavam incorporados num relógio antigo: "O relógio estava ligado a um sensor de movimento".

Um ex-funcionário do rancho de Jackson também revelou que o rei da pop colocava na porta do quarto a frase "não perturbe", permanecendo trancado com as portas e as janelas fechadas durante vários dias.

No entanto, os advogados da família de Michael Jackson, que morreu em 2009, defendem que a informação publicada na imprensa internacional é "ultrajante".

De acordo com o jornal "The Sun", as informações reveladas constam no processo que Wade Robson levantou contra Michael Jackson.