Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Quando as medusas atrapalham o cumprir de um sonho

Sociedade

  • 333

Aos 62 anos, a nadadora norte-americana Diana Nyad está determinada a ser a primeira pessoa a atravessar os 166 quilómetros que separam a Florida de Cuba, sem proteção contra tubarões. Mas as picadas de medusa estão a tornar-se um pesadelo. VEJA AS FOTOS

FALSOS POSITIVOS - Apesar de existir rastreio nacional ao cancro da mama, através de mamografia, alguns estudos internacionais questionam a eficácia deste exame. Baseiam-se nos excessivos falsos positivos e nos diagnósticos desnecessários. Depois de detetar um tumor, a medicina vai sempre atuar como se ele fosse invasivo. E se afinal não for?
1 / 5

FALSOS POSITIVOS - Apesar de existir rastreio nacional ao cancro da mama, através de mamografia, alguns estudos internacionais questionam a eficácia deste exame. Baseiam-se nos excessivos falsos positivos e nos diagnósticos desnecessários. Depois de detetar um tumor, a medicina vai sempre atuar como se ele fosse invasivo. E se afinal não for?

LUZ AO FUNDO DO TÚNEL - Uma vez encontrado um problema de saúde, a medicina atual dispõe de uma série de exames complementares de diagnóstico - a ressonância magnética é um deles - que ajudam a tratar o mais adequadamente possível os doentes. E com isso contribui para que uma vida, que poderia ser curta, passe a ter mais anos
2 / 5

LUZ AO FUNDO DO TÚNEL - Uma vez encontrado um problema de saúde, a medicina atual dispõe de uma série de exames complementares de diagnóstico - a ressonância magnética é um deles - que ajudam a tratar o mais adequadamente possível os doentes. E com isso contribui para que uma vida, que poderia ser curta, passe a ter mais anos

AGULHAS DESNECESSÁRIAS Quase toda a gente considera que deveria fazer análises gerais pelo menos uma vez por ano. A corrente que se opõe às medidas Excessivas de prevenção avisa que não existem evidências científicas de que as provas analíticas generalizadas sejam indispensáveis. Só fazem sentido em Algumas situações, para controlo de certos parâmetros
3 / 5

AGULHAS DESNECESSÁRIAS Quase toda a gente considera que deveria fazer análises gerais pelo menos uma vez por ano. A corrente que se opõe às medidas Excessivas de prevenção avisa que não existem evidências científicas de que as provas analíticas generalizadas sejam indispensáveis. Só fazem sentido em Algumas situações, para controlo de certos parâmetros

UMA FAMÍLIA, UM MÉDICO - Os Batista, um clã composto por quatro gerações, são seguidos na Unidade de Saúde Familiar de Benfica. O lado feminino é o mais assíduo e não se cansa de elogiar a velocidade com que se consegue aceder aos cuidados médicos naquele centro do Serviço Nacional de Saúde
4 / 5

UMA FAMÍLIA, UM MÉDICO - Os Batista, um clã composto por quatro gerações, são seguidos na Unidade de Saúde Familiar de Benfica. O lado feminino é o mais assíduo e não se cansa de elogiar a velocidade com que se consegue aceder aos cuidados médicos naquele centro do Serviço Nacional de Saúde

SEM PEDIATRA - A Marta, que hoje tem 7 anos, foi sempre seguida no centro de saúde. Quando chega, acompanhada pela mãe, é a enfermeira que a recebe e faz uma consulta prévia, onde regista a tensão arterial, a altura e o peso. Depois, faz-lhe um exame neurológico simples e averigua se há problemas com a Visão. E só a seguir a uma pequena conversa, a «passa» para o médico
5 / 5

SEM PEDIATRA - A Marta, que hoje tem 7 anos, foi sempre seguida no centro de saúde. Quando chega, acompanhada pela mãe, é a enfermeira que a recebe e faz uma consulta prévia, onde regista a tensão arterial, a altura e o peso. Depois, faz-lhe um exame neurológico simples e averigua se há problemas com a Visão. E só a seguir a uma pequena conversa, a «passa» para o médico

Esta manhã, um elemento da equipa que acompanha Diana Nyad informou, no Twitter, que a atleta continuava a nadar, apesar das dolorosas picadas de medusa nos lábios, pés e pernas, rumo ao seu sonho: sem a primeira pessoa a atravessar o estreito da Florida sem fato e sem gaiola de proteção contra os tubarões. Outra nota informava que Nyad estava então a nadar de costas numa tentativa de minimizar o contacto com as medusas. 

Os tubarões é que eram, no entanto, a principal preocupação da nadadora, juntamente com as corrente traiçoeiras e mudanças de tempo repentinas. Para o primeiro perigo, acompanha-a uma embarcação que cria uma espécie de campo magnético capaz de repelir a maioria dos tubarões. Além disso, está a postos uma equipa para mergulhar e afastar algum destes predadores que se aproxime.

Nyad, que está a uma semana do seu 63º aniversário, saltou para águas tépidas de Havana no último sábado para tentar o feito de que teve de desistir no verão passado devido a uma crise de asma. Outra tentativa posterior teve também de ter interrompida devido às picadas de medusa.