Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presos vão escrever livro de memórias

Sociedade

  • 333

Os reclusos do Estabelecimento Prisional de Guimarães vão escrever um livro no âmbito de um projeto inserido na Capital Europeia da Cultura. O projeto foi concebido para assinalar os 150 anos da obra "Memórias do Cárcere", de Camilo Castelo Branco.

O projeto "Memórias do Cárcere" está a ser organizado pela Câmara Municipal de Famalicão e pela Casa de Camilo e vai permitir aos reclusos transpor para o papel memórias e experiências como presos. 

Os reclusos vão participar primeiro numa oficina de leitura e escrita relacionada com a obra de Camilo Castelo Branco e irão ter aulas de escrita criativa. Esta formação irá culminar na produção e edição de um livro com os textos redigidos pelos reclusos. 

Além do lançamento deste livro, serão exibidos nos meses de Março e Abril, no Cinema S. Mamede e em Novembro no Auditório da Casa de Camilo três versões cinematográficas da obra homónima de Camilo: "Amor de Perdição": a de Manoel de Oliveira (1979), a de António Lopes Ribeiro (1943) e a de Georges Pallu (1923). 

Com a concretização destas iniciativas, o Municipio de Famalicão pretende associar a figura de Camilo Castelo Branco e a sua herança literária à Capital Europeia da Cultura 2012.