Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mulheres com mais curvas têm filhos mais inteligentes

Sociedade

Há cientistas que defendem esta teoria, dizendo que a gordura encontrada no traseiro das mães ajuda a construir cérebro dos bebés

Os "bancos de gordura" encontrados nas coxas, ancas e nádegas femininas "desempenham um papel fundamental no desenvolvimento do cérebro dos recém-nascidos através da amamentação", defende um grupo de investigadores.

"A gordura nestas áreas é um depósito para construir o cérebro do bebé", explica o epidemiologista Will Lassek, na Univeridade da Pensilvâvia, EUA, que liderou a investição e publicou os resultados no livro "Why Women Need Fat" (Porque as Mulher Precisam de Gordura").

"É preciso muita gordura para formar o sistema nervoso e a gordura nestas áreas também é enriquecida com ácido docosa-hexaenóico (DHA), um componente particularmente importante no cérebro humano", acrescenta.

As conclusões desta investigação ajudam a explicar porque a gordura representa, em média, 30% do peso total das mulheres, contra os 10% encontrados nos homens.

David Bainbridge, um biólogo especialista em reprodução da Universidade de Cambridge, vai mais longe e que esta pode ser a razão por que os homens se sentem naturalmente mais atraídos para mulheres curvilíneas, por oposição às muito magras.