Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ikea Portugal retira do mercado almôndegas com carne de cavalo

Sociedade

  • 333

O Ikea Portugal garante que já retirou do mercado o lote de almôndegas com vestígios de carne de cavalo, na sequência de testes feitos pelas autoridades checas e adiantou estar a realizar novos exames

"A Ikea recebeu de forma muito séria os resultados dos testes desenvolvidos pelas autoridades da República Checa, que mostram indícios de vestígios de carne de cavalo num lote específico de almôndegas", refere fonte oficial do grupo sueco de mobiliário em Portugal.

"Assim que recebemos essa informação, o lote de produção em questão foi imediatamente retirado da 'Loja Sueca', espaço dedicado à venda de produtos alimentares nas lojas Ikea", assegura.

A mesma fonte adianta que a Ikea começou, há duas semanas, a fazer análises de ADN a todos os produtos de carne que comercializa, tendo sido examinadas 12 amostras de lotes de almôndegas que não mostraram vestígios de carne de cavalo.

No entanto, ressalva, "para validar os resultados do teste, estamos a realizar, também em Portugal, novos exames laboratoriais ao mesmo lote de produção em que as autoridades checas encontraram indícios de carne de cavalo".

Os resultados deverão chegar daqui a poucos dias, refere. 

A agência noticiosa checa CTK divulgou hoje que foi encontrada carne de cavalo em almôndegas rotuladas como carne de porco e vaca e vendidas nas lojas daquele grupo sueco de mobiliário em vários países europeus, incluindo em Portugal.

A Ikea Portugal adianta que, além de Portugal, o lote de almôndegas foi retirado de Espanha, França, Grécia, Reino Unido, Irlanda, Itália, Bélgica, Holanda, Chipre, Hungria, República Checa e Eslováquia.