Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Estará a Apple a preparar-se para substituir Tim Cook?

Sociedade

  • 333

Reuters

Para já não passam de rumores, mas a Forbes cita fontes de Wall Street para avançar que a Apple, a braços com uma acentuada quebra nos lucros, poderá estar a planear a substituição do sucessor de Steve Jobs

Desde que assumiu o cargo, Tim Cook tem conseguido resultados muito diferentes do seu antecessor. Segundo os analistas consultados pela agência Bloomberg, o resultado líquido da Apple caiu 18% no segundo trimestre fiscal de 2013, para 9,53 mil milhões de dólares (7,3 mil milhões de euros). As receitas não tinham registado um crescimento tão pouco significativo desde 2009.

Desde setembro que a multinacional tem vindo a diminuir a sua importância no mercado bolsista. Como explica a Bloomberg, este decréscimo nas margens de lucro deve-se principalmente ao aumento dos custos das componentes e ao lançamento de produtos mais baratos como o iPad mini.

Scott Kessler, analista da empresa S&P-IQ admitiu que, em 2013, "as receitas subirão 14%, valor que se encontra muito abaixo dos 45% registados no ano passado". A previsão é que as vendas de iPhones e iPads continuem a subir mas deverá haver um decréscimo nas vendas dos famosos Macs, devido ao aumento da utilização de iPads.

Segundo a revista Forbes, alguns executivos acreditam que a empresa deverá substituir o diretor por alguém "com credenciais credíveis e qualificações em tecnologia para assumir e mudar as coisas, e fazer com que a Apple siga o caminho da Hewlett-Packard Hewlett-Packard e JC Penney".

A grande maioria dos analistas de Wall Street permanece, no entanto, "positiva" em relação à Apple, não só pela ainda gigantesca quantia de dinheiro que movimenta como pelas patentes de produtos como o iPhone e o iPad.

Amanhã, terça-feira, é dia de apresentação dos valores dos lucros trimestrais.