Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Comer um pacote de batatas por dia é igual a beber cinco litros de óleo por ano

Sociedade

  • 333

Vários estudos apontam para que as batatas fritas de pacote sejam um alimento com propriedades altamente aditivas e com riscos que vão para lá da obesidade e das doenças cardíacas

As batatas-fritas são um alimento que têm sofrido alterações na sua composição e aperfeiçoamentos de modo a que o seu sabor e consistência se tornem extremamente aditivos, explica Michael Moss autor do livro "Salt, Sugar, Fat: How the food giants hooked us" (em português Sal, acuçar, gordura: como os gigantes da comida nos têm viciado), numa extensa reportagem publicada no site do Daily Mail.

Está comprovado que o consumo deste alimento em excesso, por todos os ingredientes que apresenta, leva ao aumento do risco de obesidade, hipertensão, diabetes e doenças coronária.

Mas as consequências negativas não se refletem apenas nos adultos e nas crianças., Um estudo britânico revelou que as mulheres grávidas que comem batatas fritas em demasia podem estar a prejudicar tanto o bebé como se fossem fumadoras. Isto deve-se a uma toxina presente chamada acrilamida, inodora, insípida e invisível, mas que está relacionada com danos causados ao ADN.

As investigações de Michael Moss revelaram como décadas de pesquisa feitas aos alimentos pelas principais empresas de fabrico de comida tornaram as batatas fritas em autênticas bombas viciantes para o cérebro.

Quando uma batata se desfaz na boca e liberta o seu sabor este é diretamente absorvido por um nervo chamado trigémeo que fica acima e no fundo da boca. Este envia informações diretas ao cérebro. Quanto mais fortes forem essas informações maior é o desejo pelo alimento.

Segundo o médico, o desejo pelas batatas fritas não se fica só pelo sabor já que "quanto mais estaladiça for a batata, quanto mais barulho fizer, mais vontade as pessoas têm de comer" diz.

Outro dos truques usados pelas grandes marcas é colocar nos pacotes palavras como gourmet, como se isso fizesse o produto mais saudável.

As batatas-fritas são um dos principais contribuintes para a epidemia da obesidade nos Estados Unidos, de acordo com uma pesquisa publicada no New England Journal of Medicine pelo cardiologista e investigador de alimentos o médico Dariush Mozaffarian.

Da investigação sobre os alimentos a batata foi aquele que se relacionou mais directamente com o aumento de peso, especialmente as fritas.

Em Inglaterra um estudo alarmante da YouGov revelou que um terço das crianças britânicas come batatas fritas todos os dias e que os outros dois terços come várias vezes por semana.

Feitas as contas comer um pacote de batatas fritas por dia é equivalente a beber cinco litros de óleo alimentar por ano, sem contar com os outros ingredientes como açúcar e sal.