Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Carrilho acusa Bárbara Guimarães de estar "sistematicamente alcoolizada"

Sociedade

  • 333

Sobe tom a troca de acusações entre o casal desavindo. Ela apresentou queixa por violência continuada. Ele garante que nunca lhe tocou

A separação entre a apresentadora da SIC e o ex-ministro da Cultura subiu de tom. Manuel Maria Carrilho garante em declçarações publicadas ao Expresso de hoje que "nunca tocou" na mulher. E acusa Bárbara Guimarães de estar a "atuar como uma pessoa enlouquecida", por "estar sistematicamente alcoolizada".

A apresentadora fez uma queixa-crime dia 17, alegando violência continuada por parte do marido. Esta denúncia foi feita ao DIAP de Lisboa, um dia antes de Carrilho regressar de Paris e ser impedido de entrar em casa. 

Num breve comunicado emitido ontem pela SIC, Bárbara confirma a separação e pede respeito pela sua privacidade e dos filhos, Dinis Maria, de nove anos, e Carlota, de três: "Confirmo que avancei com o pedido de divórcio litigioso. O meu silêncio em público prende-se única e exclusivamente com a vontade que mantenho em proteger os meus filhos, nesse sentido, não vou alimentar qualquer polémica ou responder a qualquer mentira que possa vir a público. Peço que respeitem e salvaguardem, neste momento difícil, a privacidade da minha vida e a dos meus filhos."

O Correio da Manhã informava, ontem, que Bárbara teria mesmo requerido, junto do Tribunal de Família e Menores de Lisboa, a regulação do poder paternal dos dois filhos.