Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Adolescente vai perder virgindade ao vivo em nome da arte

Sociedade

  • 333

Clayton Pettet

Reprodução Facebook

Clayton Pettet, de 19 anos, está a provocar um debate aceso com a sua decisão de fazer sexo pela primeira vez à frente de 100 pessoas, para um projeto intitulado "A arte escolar roubou a minha virgindade"

A "primeira vez" de Clayton Pettet vai ser com um "amigo" e terá lugar numa galeria em Londres, na presença de 50 a 100 pessoas, a 25 de janeiro do próximo ano.

No seu blogue, o adolescente explica que teve a ideia quando tinha apenas 16 anos e os seus amigos estavam a perder a virgindade.  "Para mim era muito difícil questionar-me por que é que ainda era virgen", recorda.

Após a relação, o "público" será chamado a dar uma opinião sobre se algo mudou" entre Clayton e o seu parceiro.

Os planos do aluno do segundo ano da escola artística de Central Saint Martins, estão, claro está, a provocar um coro de críticas, com o jovem a ser acusado de banalizar não só o ato sexual como a arte.