Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

A vida na Terra começou... em Marte?

Sociedade

  • 333

Reuters

Cientistas norte-americanos garantem ter cada vez mais provas que sugerem que a vida na Terra pode ter, afinal, apanhado "boleia" de um metorito, a partir de Marte

O professor Steve Benner, do Instituto Westheimer para a Ciência e a Tecnologia, nos EUA, é um dos especialistas a acreditar que um elemento que se crê ser crucial para o início da vida só estaria disponível na superfície marciana. Estas "sementes da vida" teriam então chegado à Terra em meteoritos resultantes de impactos fortes ou erupções vulcânicas em Marte.

"As provas parecem ser cada vez mais fortes de que na realidade somos todos marcianos. Que a vida começou em Marte e veio para a Terra numa rocha", afirmou, na conferência Goldschmidt, que decorre entre 25 a 30 de agosto em Florença, Itália.

"É uma sorte termos acabado aqui, uma vez que a Terra é, sem dúvida, o melhor dos dois planetas para manter a vida. Se os nossos hipotéticos antecessores marcianos tivessem ficado em Marte, poderia não haver história para contar", sublinha.

A "semente da vida" a que Benner se refere é o elemento molibdénio, considerado um catalisador que terá  ajudado a evolução de moléculas orgânicas para as primeiras formas de vida.

"Esta forma de molibdénio não existia na Terra na altura que a vida começou, porque há três mil milhões de anos a superfície da Terra tinha muito pouco oxigénio, mas Marte tinha", acrescenta.