Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Rapaz que inspirou Lewis Hamilton morreu na sequência de um cancro

Sociedade

Eric Alonso/MB Media/ Getty Images

O menino de cinco anos, cuja batalha contra o cancro inspirou Lewis Hamilton a ganhar o Grande Prémio de Espanha de Fórmula 1, faleceu no último sábado

"A sua dor e sofrimento acabaram. É impossível imaginar a vida sem o Harry e o buraco que ele deixará nas nossas vidas. Estamos TÃO orgulhosos do Harry e de tudo o que ele alcançou durante a sua vida e do legado que ele criou para ajudar os outros. Sentimos muito a falta dele", pode ler-se numa declaração partilhada no Twitter pela família.

A sua página na plataforma JustGiving, criada para o The Royal Marsden Cancer Charity,explica que Harry "deu o seu último suspiro depois de uma dura batalha de 10 meses". Depois da notícia, os donativos subiram para mais de £230.000 (cerca de 260 mil euros).

Hamilton, o atual campeão mundial de Fórmula 1, recebeu uma mensagem em vídeo deste rapaz antes da sua corrida em Barcelona, no dia 12 de maio. O piloto disse-lhe, na altura, através de uma publicação no Instagram: "Harry, amigo, não sabes o quanto esta mensagem significa para mim. Muito obrigado, és a minha inspiração para hoje, Harry. Vou tentar deixar-te orgulhoso. Tu és um rapaz tão forte, eu gostava de ser tão forte como tu, queria que o mundo visse o quão forte és e pedir a todos que enviassem os seus melhores desejos e orações para ti durante este momento difícil. Envio-te muito amor, Harry. Deus te abençoe. Do teu amigo, Lewis"; e dedicou-lhe a sua vitória no Grande Prémio de Espanha, descrevendo o jovem como o seu "anjo espiritual".

Instagram

A equipa da Mercedes enviou o troféu e um dos carros de Hamilton para a casa da família de Harry, que, nessa época, não podia sair de casa há mais de três semanas.

James Shaw, pai de Harry, contou que Hamilton lhes "deu um enorme alento e um grande sorriso", num "momento tremendamente difícil" das suas vidas". A mãe, Charlotte Shaw, disse que os presentes de Hamilton "trouxeram sorrisos para a sua vida [de Harry] num momento em que há uma quantidade limitada de diversão para se ter".

Harry tinha quatro anos quando foi diagnosticado com sarcoma de Ewing, uma forma rara de cancro nos ossos, em agosto do ano passado. Apesar da cirurgia para remover o tumor no peito, a sua condição médica piorou e, em abril, os pais de Harry foram informados de que o filho teria apenas uma semana de vida.

"Harry, obrigado por seres uma luz tão positiva para todos nós. Tu és tão corajoso e o mundo vai sentir muito a tua falta. Obrigado, amigo e inspiração. Deus te abençoe e descansa em paz, amigo", publicou Lewis Hamilton, na quarta-feira, na sua conta no Instagram.

Instagram

CONHEÇA A NOVA EDIÇÃO DIGITAL DA VISÃO. LEIA GRÁTIS E TENHA ACESSO A JORNALISMO INDEPENDENTE E DE QUALIDADE AQUI