Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

O que é o novo modo escuro que o iPhone vai ter

Sociedade

É a mais aguardada de uma série de novidades agora anunciadas pela Apple, na esperança de reduzir o consumo de energia, o impacto na vista e os ciclos de sono

No palco da conferência anual da Apple, na passada terça-feira, um representante da empresa mostrou como será a nova configuração em várias aplicações, de música a fotos ou notícias. O dark mode vai estar nos iPhones através de uma aplicação cujo ícone é uma coruja e provavelmente será lançado neste outono. Mas então qual é a novidade? Segundo alguns especialistas, será melhor para os olhos e permitirá ainda economizar energia da bateria.

O que acontece é que este modo escuro tem um esquema menos colorido e permitirá ainda ter um fundo preto no seu iPhone. Além disso, incorpora um teclado cinza e ícones também em tons menos brilhantes. Segundo a página de suporte da Apple, trata-se de uma configuração que "torna mais fácil manter o foco no seu trabalho, porque o destaque vai o conteúdo em que se está a trabalhar, enquanto os outros recuam para segundo plano".

Esta nova aplicação funcionará em iPhones, iPads e ainda outros dispositivos do ecossistema da Apple, podendo ser configurado para se ativar automaticamente ao pôr-do-sol ou num horário agendado.

Há tempos que o modo escuro tem vindo a tornar-se popular em várias plataformas, incluindo Twitter, os smartphones Samsung Galaxy e ainda o navegador Chrome do Google.

Além disso, é verdade que a Apple não se tem vangloriado do facto deste modo-escuro permitir alguma economia da bateria, mas há já alguns especialistas a garantir que é mais um benefício da novidade.

Acontece que a maioria dos smartphones usa díodos orgânicos emissores de luz (OLED) daí que, ao escolher-se um modo mais escuro, o consumo de energia seja menor do que num fundo branco tradicional.

"Usar o modo escuro pode realmente significar uma economia significativa de energia", disse Dan Hays, um consultor da PricewaterhouseCoopers especializado em questões de telecomunicações, à CNN Business.

Já a Apple sublinha que este seu modo escuro foi cuidadosamente projetado para ser mais amigo dos seus olhos – afinal, sabemos que uma exposição excessiva a telas brancas ofuscantes pode levar a um aumento de casos de vista cansada e até mesmo a dores de cabeça.

Paul Gamlin, professor de neurobiologia da Universidade do Alabama, em Birmingham, que estuda as células da retina do olho que impulsionam os ritmos biológicos de cada ser vivo, observou ainda que o modo também pode beneficiar o sono. "Espera-se que o uso do modo escuro no iPhone à noite e à noite tenha menos impacto sobre os nossos ritmos circadianos e seus ciclos de sono e vigília", disse.

CONHEÇA A NOVA EDIÇÃO DIGITAL DA VISÃO. LEIA GRÁTIS E TENHA ACESSO A JORNALISMO INDEPENDENTE E DE QUALIDADE AQUI