Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Marcelo explica porque ligou a Cristina Ferreira

Sociedade

O Presidente da República enquadrou, em declarações à Lusa, o seu telefonema para o novo programa de Cristina Ferreira, na SIC, considerando que "era o mínimo desejar-lhe boa sorte" depois de ter dado uma entrevista a Goucha, na TV

Em declarações à agência Lusa, Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de lembrar que deu uma entrevista a Manuel Luís Goucha "na véspera do Natal", que durou "25 minutos", e rejeitou estar a tomar partido na concorrência entre os programas de entretenimento da TVI e da SIC.

O chefe de Estado quis assim justificar a sua participação, através de um telefonema, em direto, na estreia do programa de Cristina Ferreira hoje na SIC, que disse ter sido "de improviso", durante "cerca de dois minutos", para "desejar boa sorte" a uma apresentadora com quem tem "uma relação de amizade".

"Eu tenho uma relação de amizade com ela, já dei a primeira entrevista na revista dela. Não indo ao programa nem tendo entrevista com ela, era o mínimo desejar-lhe boa sorte. É o mínimo de equilíbrio", defendeu.

"O Programa da Cristina" na SIC, para onde a apresentadora se mudou vinda da TVI, começou hoje perto das 10:00 e decorreu até às 13:00.

A meio da emissão, tocou um telefone no estúdio e Cristina Ferreira exclamou: "Eu sabia que um telefone aqui ia ser um problema e que me iam fazer alguma coisa".

Marcelo Rebelo de Sousa identificou-se e referiu que tinha interrompido uma reunião para espreitar o seu primeiro programa.

"E como ao longo da vida várias vezes estive consigo quando arrancou com novas fases da sua vida - lembra-se da sua revista, a primeira entrevista? - e várias vezes, noutros tempos, eu queria desejar-lhe muitas felicidades e enviar-lhe um beijinho", acrescentou.

Cristina Ferreira agradeceu-lhe "por ser Presidente de todos os portugueses" e elogiou "a forma como tem feito a sua presidência".

com Lusa