Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Alvorada na Cova da Iria

Sociedade

André Moreira

Veja o vídeo das primeiras horas da manhã num acampamento de peregrinos, esta manhã, em Fátima

O relógio marcava as 8h30 quando os peregrinos instalados no parque de campismo junto ao Santuário de Fátima começavam a levantar-se.

A chuva não deu tréguas durante a noite e Olinda Silva ficou com toda a roupa encharcada, além de não ter “pregado olho”, conta-nos a senhora que, nos últimos 40 anos, vem sempre a Fátima para cumprir uma promessa.

É também este o espírito de Cláudia Luciano, para quem, “faça chuva ou faça sol, devemos encarar tudo como uma dádiva".

O mau tempo esperado para hoje, dia da chegada do Papa Francisco a Portugal e a Fátima, parece, de facto, não estragar os planos dos peregrinos. É também o caso de Rosa Maria Castro, que acampa pela primeira vez com muito entusiasmo, aumentado pela expectativa de ver o sumo Pontífice que mais admira, de todos aqueles de quem se lembra.

Não faltam as canções, entoadas pela voz de Alexandra Pinto, que ontem, imediatamente depois do terminar o trabalho, se dirigiu a Fátima. Como ela, milhares que talvez se tornem milhões.