Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

O que têm em comum 8 dos 10 destinos turísticos em ascensão em Portugal?

Sociedade

  • 333

Portugal continua a somar pontos no turismo e a merecer destaque internacional. Mas dos 10 destinos em ascensão, segundo um estudo da Trivago, oito têm uma coisa em comum

O que pode ser melhor do que a natureza para fugir da azáfama do dia-a-dia? As paisagens verdes e os ambientes naturais estão a ganhar força entre os destinos de férias e os portugueses parecem estar a aderir cada vez mais ao turísmo rural.

Numa análise sobre os destinos emergentes em Portugal, realizada pelo site Trivago, os locais mais próximos da natureza foram os que mais se fizeram notar em quatro milhões de pesquisas, entre janeiro de 2015 e janeiro de 2017.

Vamos fazer uma viagem pelo Portugal rural e conhecer os 10 destinos ligados à natureza que mais têm suscitado o interesse dos portugueses:

10 - Sertã

A encantadora vila do descrito de Castelo Branco, com cerca de 5 mil habitantes, oferece aos visitantes quatro praias fluviais e um leque vasto de paisagens naturais.

Localizada num vale xistoso que se deixa envolver pela Ribeira da Sertã e pela Ribeira do Amioso, é o destino ideal para adeptos de atividades culturais. É possível encontrar vestígios de arte rupestre e visitar pontos turísticos como o Castelo da Sertã, igrejas, capetas e pontes características do concelho.

9 - Alcobaça

Já dizia a canção que "quem passa por Alcobaça, não passa sem lá voltar". E quando nos referimos a Alcobaça, não falamos apenas do mosteiro da cidade.

Alcobaça tem um diversas ofertas culturais que vão desde o castelo, palacetes, o Museu do Vinho e o Museu da Faiança. Para os fãs de paisagens naturais, a Mata Nacional do Vimeiro e a Serra d'Aire e Candeeiros são pontos a não perder.

Com a chegada do verão, não podemos esquecer as nove praias do concelho, ideais para fazer campismo ou férias em família.

8 - Golegã

Considerada pela UNESCO como a Reserva da Biosfera, a Golegã é o destino perfeito para os amantes da natureza pelas imensas paisagens verdes, maioritariamente compostas por salgueiros e plantas aquáticas.

Apesar da presença de diversas espécies animais, quando falamos na Golegã automaticamente nos lembramos de cavalos. A anual Feira Nacional do Cavalo, realizada em novembro, é um evento de atração turística a nível regional e nacional.

Também é possível descobrir a Reserva Natural do Paúl de Boquilobo, onde os caudais dos rios Almonda e Tejo se unem.

7 – Vila Nova de Foz Côa

Localizada no distrito da Guarda, Vila Nova de Foz Côa tem o mais famoso conjunto de pinturas rupestres do país.

Incluída na região do Alto Douro Vinhateiro, considerado Património da Humanidade pela UNESCO, a cidade oferece oito miradouros com vistas sobre o Douro que prometem impressionar.

6 – Vila Verde

Localizada no coração do Minho, mais precisamente em Braga, Vila Verde é um ponto turístico a não perder se é fã de atividades ao ar livre. As margens dos rios Cávado e Homem são recomendadas para fazer pesca, canoagem ou praia.

Mas é o artesanato que caracteriza o concelho. Os Lenços dos Namorados são o principal símbolo do cidade, mas os artigos em linho, a tecelagem em trapos, as miniaturas e os brinquedos em madeira, os instrumentos musicais, a olaria e a cerâmica também fazem parte da cultura local.

5 – Mirandela

Para quem a gastronomia é um fator essencial nos destinos de férias, Mirandela é um clássico da boa cozinha portuguesa. Mas não é só a famosa alheira que o convida a conhecer a cidade.

O património cultural e natural, os passeios, festas e romarias prometem surpreendê-lo. As festas em honra da Nossa Senhora do Amparo, que se realizam no final de Julho, são o pretexto ideal para conhecer a cidade.

Se prolongar a sua estadia, dê um salto às redondezas e aproveite para conhecer também a aldeia típica de Romeu.

4 – Porto de Mós .

Andreia Sá

Localizado entre Alcobaça e Leiria, o concelho de Porto de Mós é conhecido pelo cenário natural. As grutas de Mira de Aire são a principal referência local, mas a Fórnea - um monumento natural onde é possível observar pegadas de dinossauro -, o Moinho de Alqueidão da Serra, o Miradouro Jurássico e o castelo são algumas sugestões a não perder.

3 - Arcos de Valdevez

Localiza-se no complexo montanhoso do Parque Nacional da Peneda-Gerês e é o destino mais a norte nesta lista.

Entre passeios nas margens do rio Vez e os monumentos locais, o Santuário da Nossa Senhora da Peneda - onde a natureza e a arquitetura se fundem - é paragem obrigatória.

2 - Abrantes

Fernando Baio

Abrantes é um destino de arte e cultura, onde não faltam pontos turísticos. Entre o centro histórico, o castelo e o jardim, as sugestões são vastas.

É imprescindível visitar, no mínimo, um miradouro com vista sobre o Tejo ou sobre a albufeira de Castelo de Bode. E se preferir realizar atividades culturais, uma visita ao ParqueTEJO e ao Quartel – Galeria Municipal de Arte, vai valer a pena.

1 – Ferreira do Zêzere

Chegámos ao destino que mais tem suscitado a curiosidade dos portugueses. Quando pensamos na beleza dos vales, do Lago Azul, as paisagens sobre a vila de Dornes e a albufeira de Castelo de Bode, facilmente entendemos o porquê de Ferreira do Zêzere estar no topo da lista.

Se procurar experiências ao ar livre, além de encontrar verdadeiros tesouros naturais, pode realizar percursos pedestres, passeios de barco, geocaching e wakeboard