Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tribunal Administrativo aceita providência cautelar para travar 40 horas de trabalho semanal no Fisco

Portugal

  • 333

O objetivo da providência cautelar era o de suspender de forma imediata a medida, até que o Tribunal Constitucional se pronuncie definitivamente sobre essa matéria.

O Tribunal Administrativo aceitou a providência cautelar do Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos (STI) para adiar o alargamento do horário de trabalho até às 40 horas semanais, tendo agora o Ministério das Finanças 15 dias para responder.

"Fomos notificados segunda-feira ao fim do dia que o tribunal aceitou a nossa providência cautelar, mas deu à Administração Pública duas semanas para contra-argumentar", disse à Lusa o presidente do STI, Paulo Ralha.

O objetivo da providência cautelar entregue pelo STI no Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa é o de suspender de forma imediata o alargamento da carga horária para as 40 horas, até que o Tribunal Constitucional se pronuncie definitivamente sobre essa matéria.