Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Passos nega divergências dentro do Governo

Portugal

  • 333

José Carlos Carvalho

O primeiro-ministro português, Pedro Passos Coelho, negou esta segunda-feira a existência de qualquer divergência dentro do Governo e afirmou estar de acordo com Paulo Portas quanto à minimização do impacto sobre o rendimento dos pensionistas

"Não há nenhuma divergência dentro do Governo", declarou o chefe do executivo PSD, na conferência de imprensa sobre a XXVI Cimeira Luso-Espanhola, em Madrid, à qual o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas, assistiu na primeira fila.

Segundo o primeiro-ministro, tanto ele como o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros estão comprometidos com o "quadro de reformas importantes de médio prazo" a aplicar em 2014 e 2015.

"Ambos dissemos que faríamos essas reformas procurando minimizar o impacto sobre o rendimento dos pensionistas, e é isso que está traduzido no acordo da sétima avaliação", acrescentou.