Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

ADSE para quem sair do Estado é "presente envenenado", diz FESAP

Portugal

  • 333

O coordenador da Federação Sindical da Administração Pública (FESAP), Nobre dos Santos, considerou hoje que a proposta do Governo de manter o direito à ADSE aos trabalhadores que rescindam com o Estado é um "presente envenenado"

Nobre dos Santos comentava assim à agência Lusa a notícia veiculada hoje na imprensa de que o Governo pretende, em troca da rescisão por mútuo acordo, oferecer aos trabalhadores a manutenção da ADSE, o sistema de proteção social dos funcionários e agentes da Administração Pública, embora tenham de continuar a descontar todos os meses.

Em declarações à Lusa o coordenador da FESAP disse achar estranho que o Governo avance com esta posição sem ouvir os trabalhadores.