Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Pedro Marques admite PCP e Bloco num Governo PS

Portugal

Horacio Villalobos/ Getty Images

Eurodeputado diz que, sem uma maioria absoluta, "há várias geometrias" que podem ser pensadas para a próxima legislatura

Se é já em outubro ou não, Pedro Marques não se compromete, mas o socialista acredita que a presença dos partidos à esquerda do PS no Governo "acontecerá".

Em entrevista à VISÃO, que pode ler na edição que está nas bancas esta quinta-feira, o eurodeputado do PS – e o nome mais falado para ocupar um lugar na próxima Comissão Europeia – diz que a presença dos partidos à esquerda do PS num Governo socialista é apenas uma questão de tempo. “Nalgum momento acontecerá”, diz o ex-ministro.

Eleito em maio para o Parlamento Europeu, o ex-ministro do Planeamento e das Infraestruturas defende-se das acusações de que o Governo deixou o caos instalar-se no setor dos Transportes. Fala ainda os grandes desafios que a Europa vai enfrentar nos próximos cinco anos, sobre a sua possível indicação para o executivo comunitário liderado por Ursula von der Leyen, e ainda deixa duras críticas às lideranças de Pedro Passos Coelho e Rui Rio no PSD.

Leia toda a entrevista na edição da Visão desta semana