Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

São Paulo: Consulado de Portugal suspende pedidos de nacionalidade

Portugal

Jair Bolsonaro e Fernando Haddad disputam a Presidência da República no próximo dia 28 de outubro

Getty Images

Brasileiros são a maior comunidade estrangeira a viver em Portugal. Em São Paulo, os novos pedidos de nacionalidade estão suspensos até dia 2 de janeiro.

Os brasileiros que queiram requerer a nacionalidade portuguesa no Consulado Geral de São Paulo ou no Consulado de Santos (litoral do estado de São Paulo) vão ter que esperar até ao próximo dia 2 de janeiro de 2019. A informação foi publicada no site do próprio Consulado Geral de São Paulo. Esta medida prolonga assim uma decisão que já tinha sido tomada: a entrada de novos pedidos de nacionalidade estiveram suspensos também entre 30 de agosto e 30 de setembro.

A justificação dada pelos serviços consulares é a de um aumento “crescente de pedidos de serviços deste Posto, nomeadamente no que diz respeito a nacionalidades e vistos”, o que estará a provocar um atraso no processamento na Conservatória dos Registos Centrais.

“Por forma a evitar ainda maior lentidão na análise dos processos que já se encontram pendentes de tratamento por este Posto consular e por outras autoridades portuguesas, o Consulado Geral vê-se forçado a suspender temporariamente a admissão de novos pedidos de nacionalidade – em São Paulo e no Escritório Consulado em Santos, igualmente sobrecarregado com solicitações”, lê-se na nota libertada esta quinta-feira dia 18 de outubro.

“Os requerentes que por algum motivo não queiram aguardar, podem dar entrada nos seus pedidos diretamente na Conservatória dos Registos Centrais”, informa ainda o mesmo documento.

Numa altura em que o Brasil atravessa um período político conturbado, com Jair Bolsonaro e Fernando Haddad a disputar a presidência da República, este aumento de pedidos não surpreende – são muitos os brasileiros que admitem querer sair do País para fugir à violência. No caso dos brasileiros, a nacionalidade portuguesa pode ser obtida por filhos, netos, cônjuges e companheiros de cidadãos portugueses. Para além de haver uma ligação cultural ao País, a nacionalidade portuguesa é também uma via para a obtenção de um passaporte europeu, que facilita a sua entrada em muitos outros países do mundo.

Nos últimos anos Portugal passou a ser um dos destinos de eleição dos brasileiros para viagens de lazer ou mesmo para fixar residência. Dados do Instituto Nacional de Estatística revelam que no ano passado houve cerca de 870 mil turistas oriundos do Brasil a entrar no País. E que os brasileiros são já a maior comunidade de estrangeiros a viver em Portugal: oficialmente são 80 mil, embora as autoridades acreditem que este número seja bastante superior.

No próximo dia 28 de outubro os brasileiros vão às urnas para decidir quem querem ver no Palácio do Planalto, na segunda volta de umas eleições marcadas por um clima de tensão social e aumento significativo de violência. Jair Bolsonaro, do Partido Social Liberal, é o grande candidato á vitória, com as ultimas sondagens a darem-lhe mais de 60% dos votos.