Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Líder da UGT na Universidade de Verão do PSD

Portugal

Gonçalo Rosa da Silva

Dois Carlos, Silva e Moedas, são estrelas em Castelo de Vide. Já o Pontal sofreu um golpe de "austeridade"...

Filipe Luís

Filipe Luís

Editor Executivo

O secretário-geral da UGT, Carlos Silva, também dirigente do PS, e o comissário europeu Carlos Moedas, são dois dos convidados em maior destaque na Universidade de Verão do PSD que, este ano, decorre já em plena rentrée, entre 3 e 9 de setembro, em Castelo de Vide.

Outro dos "professores" recrutados fora do PSD é o antigo presidente do CDS, José Ribeiro e Castro que, conjuntamente com o especialista em sondagens Pedro Magalhães, abordará o tema dos círculos eleitorais uninominais. O eurodeputado social-democrata Paulo Rangel é um dos convidados repetentes e o líder do Grupo Parlamentar, Fernando Negrão, também estará presente. Nuno Morais Sarmento fala sobre "Democracia Hoje" e Leonor Beleza confirma a presença habitual. Convidado estrangeiro, o eurodeputado espanhol do PP, José Ignacio Salafranca.

Promovida pelo PSD, JSD, Instituto Francisco Sá Carneiro e Partido Popular Europeu, a Universidade de Verão realiza-se desde 2003 e é encerrada pelo presidente do partido, o que marca, este ano, a estreia de Rui Rio.

Pontal mais modesto

O presidente do PSD, Rui Rio, impôs um corte drástico no orçamento da Festa do Pontal que, este ano, em vez de abrir a "época política" em meados de agosto, foi transferida para 1 de setembro próximo, antecedendo a Universidade de Verão. O prato forte da ementa será porco assado - mas o menú do discurso de Rui Rio é, esse sim, o mais aguardado...