Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Rio faz cair Hugo Soares e tem quatro opções sobre a mesa

Portugal

Líder parlamentar anunciou a saída depois de uma conversa com o presidente eleito. Nas próximas horas deverá escolher um de quatro deputados para aquele cargo: Adão Silva, Duarte Pacheco, Fernando Negrão ou Luís Campos Ferreira

Hugo Soares vai deixar de ser o líder parlamentar do PSD. A decisão foi tomada pelo próprio depois de uma conversa que manteve com Rui Rio nos últimos dias. O anúncio foi feito hoje aos deputados numa reunião à porta fechada, momentos depois de ter terminado o debate quinzenal com o primeiro-ministro. Aos parlamentares terá dito que não tem condições para continuar "quando a intenção do líder do partido é a de mudar a direção da bancada."

À Lusa, o ainda presidente do grupo parlamentar disse que é altura de "devolver a palavra aos deputados para eleger uma nova direção parlamentar." O deputado bracarense terminará, assim, a sua experiência como líder parlamentar sete meses depois de a ter iniciado. O homem que se segue será conhecido já na próxima semana: as eleições estão marcadas para dia 22, quatro dias depois do fim do 37º Congresso do PSD.

Segundo aquilo que a VISÃO conseguiu apurar, e apesar de ainda haver muitas dúvidas sobre quem pode ser o sucessor, aos três nomes que têm surgido com maior insistência - Luís Campos Ferreira, Fernando Negrão e Adão Silva -, junta-se agora o de Duarte Pacheco. É uma figura respeitada dentro do grupo parlamentar e capaz de reunir consensos. Conta ainda com um fator que agrada a Rui Rio e que pode ser importante para a escolha final: experiência. A VISÃO sabe que Rui Rio ainda não fez qualquer convite mas as próximas horas poderão ser decisivas para fechar esse dossiê.