Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Comunidade chinesa em Portugal angaria dinheiro para ajudar vítimas do fogo de Pedrógão

Portugal

  • 333

Lucília Monteiro

São 30 mil euros que agora vão ser entregues através dos canais oficiais

Mais de 150 investidores chineses detentores de Vistos Gold, alguns que vivem em Portugal e outros na China, uniram-se em torno da tragédia de Pedrógão Grande para ajudar os bombeiros, os familiares das vítimas ou os desalojados pelo incêndio.

Ontem “quando vi as imagens não pude ficar indiferente”, diz Jessica You, uma jornalista freelance que vive em Portugal há três anos. Luís Liu, um investidor com residência em Cascais, aproveitou o grupo que criou no “wechat” chinês para angariar o dinheiro.

“Vimos que havia uma conta aberta em nome das vítimas”, conta Jessica, que as televisões e as operadoras de comunicações também se juntaram para angariar fundos e fizeram o mesmo. A diferença horária (+7 horas) levou-os a uma corrida contra o tempo e, em menos de 24 horas, entraram em contacto com vários amigos que residem na China para arranjar o dinheiro. As transferências foram sendo feitas para cá e recolheram 30 mil euros que, agora, vão ser entregues através dos canais oficiais.

Jessica faz questão de mencionar que várias crianças doaram o dinheiro que os pais lhes deram na Passagem do Ano Chinês (o dia festivo mais importante) para este efeito.