Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vaticano perdoa pecados a quem seguir o Papa no Twitter

Mundo

  • 333

Casam-se as tradições com o mundo das redes sociais. Os católicos que seguirem o Dia Mundial da Juventude no Twiiter receberão "indulgências", que, na crença católica, reduzirão o tempo que terão de passar no purgatório 

As indulgências concedidas pela Igreja ficaram associadas a práticas pouco escrupulosas desde que, na Idade Média, eram vendidas por grandes importâncias. Mas o Vaticano encontrou agora uma forma de as aplicar em pleno século XXI.

Um responsável do Vaticano avisa, no entanto, que para conseguir uma indulgência ainda é preciso uma dose de fé à moda antiga e que o paraíso não está à distância de uns simples cliques...

"Não se pode obter indulgências como se tira um café de uma máquina de venda automática", alerta o arcebispo Claudio Maria Cell ao jornal italiano Corriere della Sera.

Atualmente as indulgências são concedidas aos que levam a cabo certas tarefas. Os que sobem, por exemplo, a Escada Santa, em Roma, que representa, na tradição católica a escada usada por Jesus para entrar na sala onde seria interrogado por Pôncio Pilatos antes da crucificação, ganham sete anos fora do purgatório.

Mas assistir a certos eventos católicos, como o Dia Mundial da Juventude, que este ano começa a 22 de julho, no Rio de Janeiro, também pode valer uma indulgência. Consciente de que nem todos os fiéis podem viajar até ao Brasil, o Vaticano decidiu alargar a concessão aos que sigam o evento através da televisão, rádio e redes sociais. Mas fica o alerta: os interessados têm de seguir o evento em direto e terão de se ter previado confessado.