Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Rússia pode voltar a proibir homossexuais de dar sangue

Mundo

  • 333

O deputado Mijaíl Degtiariov defende que a iniciativa não é discriminatória porque 65% das pessoas infetadas com VIH são homossexuais

De acordo com o El País, Mijaíl Degtiariov - deputado russo do Partido Liberal Democrático e candidato a presidente da câmara de Moscovo - afirmou na última segunda-feira, em conferência de imprensa, que o Parlamento da Rússia pretende proibir os homossexuais de dar sangue.

"Vamos propor alterações à lei e aos regulamentos do Ministério da Saúde para restabelecer a homossexualidade na lista de contra-indicações para a dádiva de sangue". Isto porque, explicou Degtiariov, 65% das pessoas infetadas com VIH são homossexuais.

Em 2008 o Ministério da Saúde concedeu luz verde para que os homossexuais podessem dar sangue, no entanto, o parlamento não quer apenas proibi-los de o fazer. Segundo Mijaíl Degtiariov, o parlamento russo também prevê uma outra iniciativa - pagamento de despesas médicas - que persuada os homossexuais a mudar de orientação sexual.