Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Polícia passou 20 minutos a perseguir-se a si próprio

Mundo

Alertado pelo colega que vigiava as câmaras de segurança de uma cidade do sul do Reino Unido da presença de alguém a "agir de forma suspeita", o polícia acabou a perseguir-se a si próprio

Um agente da polícia, à paisana, estava a patrulhar as ruas de uma cidade, não identificada, que tem sido alvo de assaltos frequentes, quando foi informado de que as câmaras de vigilância tinham captado alguém "na área" a agir de forma suspeita. O polícia foi seguindo as indicações do operador, que ainda lhe disse que estava mesmo quase a "apanhá-lo".

Só 20 minutos mais tarde, quando um responsável da polícia entrou na sala de controlo das câmaras de vigilância e reconheceu o "suspeito", é que se desfez o engano.