Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Osama bin Laden chegou a ser mandado parar por excesso de velocidade

Mundo

  • 333

Um relatório divulgado esta terça-feira revela que o antigo líder da Al Qaida foi mandado parar pela polícia por excesso de velocidade, cerca de nove anos antes de ter sido localizado e abatido no Paquistão

O fundador da Al Qaeda, cérebro dos atentados de 11 de setembro, viajava com dois dos seus homens quando um agente da polícia o mandou encostar. A revelação faz parte de um relatório do governo paquistanês que investigou como foi possível aquele que era o homem mais procurado do mundo ter vivido no Paquistão, muitas vezes à vista de todos, sem ser identificado.

As autoridades consideram ter encontrado provas de "negligência e incompetência a quase todos os níveis do governo".

O complexo residencial onde Bin Laden acabou por ser encontrado e abatido pelas forças especiais norte-americanas, com os seus muros altos, arame farpado e localização isolada era "dificilmente normal", lê-se no relatório, divulgado esta terça-feira pela Al Jazeera.

O documento revela ainda que o líder terrorista usava chapéu de cowboy para não ser identificado quando se deslocava dentro desse complexo na cidade de Abbottabad.