Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

O suspeito de enviar a carta com veneno a Obama é sósia de Elvis Presley

Mundo

  • 333

Paul Kevin, principal suspeito de ter enviado cartas com ricina a Obama e ao senador republicano no Mississipi Roger Wicker, ganhava a vida a trabalhar como sósia de Elvis Presley e de outras celebridades. VEJA O VÍDEO

Já foi preso o homem suspeito de ter enviado a carta com veneno fatal, ricina, com destino a Obama mas que nunca chegou ao presidente dos Estados Unidos da América.

Paul Kevin de 45 anos foi detido em Corinth no Mississípi e é também o principal suspeito de ter enviado outra carta, igualmente com ricina, ao senador republicano no Mississipi Roger Wicker, menos de 24 horas antes de ter enviado a carta a Obama.

As duas cartas continham, para além da substância mortal, a mesma mensagem: "Presenciar uma injustiça e não fazer nada é tornar-se um parceiro silencioso para a sua continuidade" e a mesma assinatura: "Eu sou o KC e aprovo esta mensagem". 

Quando Paul foi detido no seu apartamento a família revelou ao DailyMail estar chocada com a situação "Não acredito que ninguém desconfiasse que este tipo de coisas lhe passasse pela cabeça", disse um dos primos do homem que ganhava a vida a trabalhar como sósia de Elvis Presley e de outras celebridades.

Ricky Curtis, o primo, disse ainda que Paul Kevin terá tido problemas com uma empresa de limpeza que tinha tido, e que chegou inclusive a afirmar que o governo não o estava a ajudar como devia.  

Ficou confirmado pelo FBI que os incidentes das cartas não têm qualquer ligação óbvia com o atentado à bomba na maratona de Boston.