Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Nobel da Paz para a União Europeia

Mundo

  • 333

O papel na pacificação de  um continente que atravessou várias guerras ao longo da sua história valeu à União Europeia (UE) o Prémio Nobel da Paz deste ano

Num ano em que os candidatos ao Nobel da Paz eram 231, com o filósofo norte-americano Gene Sharp, a egípcia Maggie Gobran e a ativista russa Svetlana Ganushkina entre os favoritos, o Comité Nobel decidiu atribuir o prestigiado galardão à União Europeia "por mais de seis décadas de contributo para o desenvolvimento da paz e reconciliação, da democracia e dos direitos humanos na Europa".

O anúncio foi feito às 10h00 desta sexta-feira mas, pela primeira vez em 50 anos, uma fuga de informação permitiu à  estação de televisão norueguesa NRK avançar o laureado uma hora antes.

 

 (em atualização)