Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

NASA desmente 'fim do mundo'

Mundo

  • 333

Face à avalanche de perguntas de pessoas preocupadas com o eventual fim do mundo, no dia 21 de dezembro - algumas falam até em suicídio -, a NASA decidiu fazer um esclarecimento público, através do seu site, desmentindo esses rumores

As 5000 questões recebidas e 400 respostas já publicadas sobre este tema levaram a agênca espacial norte-americana a criar uma secção no seu site para desmistificar o 12/12/2012.

Segundo o astrobiologista David Morrison, do Centro de Pesquisa Ames, da NASA, muitas das questões recebidas sobre as teorias apocalípticas são colocadas por jovens e crianças, muitas relatando que não conseguem dormir nem comer. Mas entre os adultos há até quem tenha manifestado intenção de se suicidar ou matar os filhos para não terem de assistir ao fim do mundo.

A gravidade do caso, levou então a NASA a este esclarecimento, publicando as respostas já dadas e criando uma secção de perguntas mais frequentes.

"O que é uma piada para muitos e um mistério para outros está a preocupar seriamente algumas pessoas e por isso é importante que a NASA responda a essas perguntas que nos são enviadas", justifica Morrison.

Um dos rumores que prevê o fim do mundo para o próximo dia 21 prende-se com a convicção de que essa seria a última data do calendário da civilização maia. Outro rumor tem origens em textos do escritor Zecharia Sitchi, dos anos 70, com a previsão de um planeta - Nibiru, ou Planeta X - iria colidir com a Terra. Sobre esta teoria, a NASA explica: "A data para esse suposto choque estava inicialmente prevista para maio de 2003, mas como nada aconteceu, o dia foi mudado para dezembro de 2012, para coincidir com o fim de um ciclo no antigo calendário maia".

A agência espacial norte-americana sublinha ainda que não há provas de que os planetas do sistema solar estejam a preparar-se para um alinhamento, como dizem outras teorias, e que, mesmo que se isso ocorresse, os efeitos sobre a Terra seriam irrelevantes.