Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mulher rouba comboio mas descarrila contra prédio

Mundo

  • 333

A suspeita, funcionária de limpeza, terá perdido o controlo do comboio, que acabou por entrar num dos andares de um prédio de habitação, em Estocolmo. VEJA AS IMAGENS

Chegue atrasado Por duas razões: Em primeiro lugar para evitar ter de fazer sala com aquela colega aborrecida com quem nunca trocou uma palavra e que é sempre a primeira a chegar; E em segundo, porque, assim, quando chegar, todos terão uma desculpa para interromper as conversas de circunstância: "Olha quem chegou!"
1 / 3

Chegue atrasado Por duas razões: Em primeiro lugar para evitar ter de fazer sala com aquela colega aborrecida com quem nunca trocou uma palavra e que é sempre a primeira a chegar; E em segundo, porque, assim, quando chegar, todos terão uma desculpa para interromper as conversas de circunstância: "Olha quem chegou!"

Nunca se ofereça para planear... e muito menos para limpar Os "homens a sério", garante a GQ, deixam os detalhes sujos para os outros, porque estão ocupados a ter ideias fantásticas
2 / 3

Nunca se ofereça para planear... e muito menos para limpar Os "homens a sério", garante a GQ, deixam os detalhes sujos para os outros, porque estão ocupados a ter ideias fantásticas

Leve sempre um acompanhante É a melhor desculpa para ser anti-social
3 / 3

Leve sempre um acompanhante É a melhor desculpa para ser anti-social

Não foi ainda possível apurar o que terá levado a mulher a roubar o comboio, esta madrugada, conduzindo-o por vários quilómetros antes de bater contra o edifício, depois de não ter conseguido travar a tempo quando chegou à última estação.

Um porta-voz da companhia ferroviária Arriva confirmou à televisão pública da Suécia que "o comboio foi roubado de uma propriedade" da companhia em Nacka, ao leste de Estocolmo, quando o comboio estava fora de serviço, sendo a mulher a única pessoa a bordo.

O acidente, em Saltsjobaden, na região de Estolcolmo, Suécia, não provocou ferimentos a nenhum dos moradores do prédio. Apenas a suspeita teve de receber tratamento hospitalar.