Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Menino de três anos expulso de avião por birra

Mundo

  • 333

Getty Images

É o pesadelo de todos os pais. E o alívio de todos os outros passageiros. A tripulação pediu ao pai do pequeno (e inconsolável) David para desembarcarem, pouco antes da descolagem

O episódio aconteceu a bordo de um voo da Alaska Airlines, que ligava Seattle a Miami, este fim-de-semana. A família Yanchukpreparava-se para descolar rumo a uns descontraídos dias de férias quando David, de três anos, obrigou a uma mudança de planos. A mãe, a avó e um irmão mais novo seguiam em primeira classe, enquanto ele viajaria com o pai em turística.

Enquanto o avião esteve parado, a criança passou o tempo a brincar com um iPad. Por isso, quando chegou a altura de desligar todos os equipamentos eletrónicos, começou o pesadelo a bordo. 

A birra de David, que o pai não conseguiu controlar, levou a tripulação a pedir o desembarque de ambos, depois de, segundo um porta-voz da companhia aérea à MSNBC, várias tentativas de acalmar o menino, que se recusou a sentar-se e a deixar que lhe pusessem o cinto.

O avião ainda se afastou da porta de embarque com pai e filho a bordo, mas uma hospedeira reparou que a criança já não estava, novamente, sentada em segurança, o que levou o piloto a voltar para trás.

A Alaska Airlines ainda ofereceu o outro voo para o mesmo destino, nesse dia, mas a família (optaram por desembarcar todos) recusou e deverá agora receber o reembolso na totalidade.