Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Locutora da chamada falsa processa rádio por não garantir a sua segurança

Mundo

  • 333

Mel Greig, da dupla de locutores que fez uma chamada falsa para o hospital onde estava internada Kate Middleton, no início da sua gravidez, e que acabou por levar ao suicídio de uma enfermeira, acusa agora a rádio de não garantir a sua segurança

RECORDE O CASO:

A ação legal é anunciada sete meses depois de Mel Greig e Michael Christian terem ligado para o hospital King Edward VII, em londres, onde a Duquesa de Cambridge estava internada, fazendo-se passar pela rainha para obter informações sobre o estado de saúde de Kate Middleton. 

A enfermeira Jacintha Saldanha passou a chamada e os locutores acabaram mesmo por ter acesso a alguns dados sobre a duquesa. A enfermeira suicidou-se na sequência do escândalo. 

Os locutores, que na altura se declararam "devastados" com as consequências do que era para ter sido apenas uma "partida", chegaram a receber ameaças de morte.

Segundo a Sky News, Mel Greig, que ainda não voltou ao microfone, quer agora processo a rádio por não conseguir garantir a sua segurança no local de trabalho.