Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Jovem foi regado com gasolina e queimado por ser homossexual

Mundo

  • 333

Um jovem de 18 anos foi regado com gasolina por três indivíduos que o queimaram depois na cidade venezuelana de Maracay por ser homossexual, denunciou a família

"Quando o meu filho saiu do liceu foi intercetado por três indivíduos, que o insultaram e ameaçaram que o iam queimar, tendo depois um deles entrado numa casa e agarrado num balde com gasolina que foi despejado sobre ele. Outro indivíduo acendeu depois um fósforo que lançou sobre o meu garoto", denunciou a mãe.

A mãe precisou que o ataque teve lugar na tarde de quarta-feira, em frente ao liceu Linares Alcântara, e que os atacantes disseram ao filho que "não aceitavam homossexuais na zona".