Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Homem que perdeu metade do crânio recebe indemnização de 44 milhões de euros

Mundo

Antonio Chaj, que perdeu parte do crânio numa agressão num bar, vai receber 44 milhões de euros de indemnização

A vítima, que ficou sem parte do crânio numa cena de pancadaria com um segurança, esteve numa conferência de imprensa em que foi anunciado o veredito dado por um tribunal californiano, na última sexta feira: Chaj será indemnizado com 44 milhões de euros pelo sucedido.

O segurança que atacou Antonio Chaj, Emerson Quintanilla, nunca foi acusado pela polícia devido à inexistência de testemunhas independentes. Além disso, desapareceu antes do julgamento. A indemnização será suportada pela companhia de seguros do estabelecimento comercial.

A história começou em 2010 num bar em Los Angeles, quando Antonio Chaj e os familiares se envolveram numa discussão. Um segurança do bar perdeu as estribeiras e atingiu Chaj com um bastão.

O advogado de Antonio Chaj, Federico Sayre, afirma: "Um segurança bateu-lhe com o bastão várias vezes na cabeça e agarrou-a batendo com ela no chão repetidamente".

Apesar de os médicos lhe terem salvado a vida foi necessário que removessem parte do lado esquerdo do crânio - operação que fez com que perdesse a capacidade de falar e que seja acompanhado constantemente pelos médicos.

"Salvaram-lhe a vida mas ele tem uma grave lesão cerebral", conclui Sayre.