Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo francês demite-se após derrota eleitoral, Manuel Valls substitui Ayrault

Mundo

Jean-Marc Ayrault e todo o seu governo pediram demissão após a derrota eleitoral do fim-de-semana. Manuel Valls, até aqui responsável pela Administração Interna, é o novo chefe do governo

O primeiro-ministro francês, Jean-Marc Ayrault, e o governo francês pediram hoje a sua demissão ao Presidente, François Hollande, anunciou o executivo em comunicado.

Hollande anunciou, ao fim da tarde, o atual ministro da Administração Interna, Manuel Valls, como novo primeiro-ministro.

O chefe de Estado francês substitui o governo na sequência dos maus resultados do Partido Socialista Francês nas eleições municipais de domingo passado, segundo fontes governamentais ouvidas pela AFP.

Tanto a Frente Nacional (extrema-direita) como a oposição de direita conquistaram vitórias históricas no escrutínio de domingo, numa derrota sem precedentes para os socialistas, que perderam 150 autarquias.

A Frente Nacional, de Marine Le Pen, com um discurso anti-imigração, conquistou 11 câmaras e mais de 1.200 lugares nos executivos municipais.

A UMP do ex-presidente Nicolas Sarkozy, derrotado por Hollande nas presidenciais de 2012, ganhou autarquias que historicamente votavam nos socialistas, indiciando uma possível reconquista do poder em 2017, se a tendência se mantiver.

"É um resultado histórico", afirmou o seu líder, Jean-François Cope, comentando as 155 autarquias com mais de 9.000 habitantes que a UMP conquistou à esquerda.