Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Filipina de 13 anos sobrevive depois de passar seis dias entre cadáveres

Mundo

Quase uma semana depois da passagem do tufão Haiyan, uma adolescente de 13 anos conseguiu chegar ao hospital da cidade de Tacloban. VEJA O VÍDEO

Em choque, a jovem filipina só conseguiu dizer o seu nome: Rebeca. A sua casa, como dezenas de milhares de outras, ficou destruída à passagem do tufão Haiyan. Presa nas ruínas, a adolescente passou seis dias junto aos corpos dos seus familiares.

Segundo os enfermeiros do hospital de Tacloban, que ainda luta para lidar com a devastação, Rebeca chegou "profundamente traumatizada" e ferida.