Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Equipa da BBC torturada por forças de Kadhafi

Mundo

Três jornalistas da cadeia britânica foram agredidos pelas forças de segurança leais a Kadhafi e ameaçados de morte, tendo mesmo os agressores simulado a execução dos três homens

Foram 21 horas de terror para os elementos da BBC, que cairam nas mãos de militares líbios na segunda-feira, quando tentavam chegar à cidade de Zawiya. Já a salvo, fora do país, os jornalistas contam como foram agredidos e submetidos a uma simulação de execução, que os fez acreditar que iam mesmo ser mortos.

Mandados parar pelo exército quando se dirigiam para Zawita, os jornalistas mostraram a sua identificação, após o que foram levados para um enorme barracão militar em Tripoli, onde foram vendados, algemados e agredidos.

Um deles, Chris Cobb-Smith, relata que foram obrigados a ficar virados para uma parede, enquanto um dos agressores lhes apontava uma arma ao pescoço, tendo mesmo chegado a disparar duas balas mesmo junto à sua orelha, ao mesmo tempo que os soldados riam.